O Sistema de Produção de Corte e Queima Desenvolvido pelos Agricultores Familiares na Região da Transamazônica- Pará
PDF

Palavras-chave

Agricultura familiar
capoeira
pousio
queda de produtividade

Como Citar

da Silva, M. M., Lovato, P. E., & Vieira, I. C. (2009). O Sistema de Produção de Corte e Queima Desenvolvido pelos Agricultores Familiares na Região da Transamazônica- Pará. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/9716

Resumo

O objetivo deste artigo é caracterizar os sistemas de produção desenvolvidos pelos agricultores familiares que residem na região da Transamazônica no Estado do Pará. Enfatizando as principais mudanças ocorridas no sistema de produção durante os anos de ocupação da região. A metodologia utilizada baseou-se no referencial da pesquisa qualitativa buscando entender as representações dos agricultores a respeito do sistema de corte e queima, envolvendo 29 famílias nos municípios de Pacajá, Altamira, Medicilândia e Uruará. Os agricultores relataram que realizam o preparo da área para o plantio através do sistema de corte e queima, cultivam essas áreas por um período de no máximo três anos e mudam para novas áreas, esse sistema de cultivo tem causado a diminuição da fertilidade do solo e queda na produção dos cultivos anuais.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.