Estratégias Inovadoras em ATER Voltados à Transição Agroecológica e ao Desenvolvimento de SAFs: o Caso do Assentamento Ipanema, Iperó/SP.
PDF

Palavras-chave

Sistemas Agroflorestais
Assentamento Rural
Unidade de Conservação
ATER.

Como Citar

Costa Jr., E. A. da, Gonçalves, P. K., Ruas, N., Podadeira, D. S., Gonçalves, A. C., Piña-Rodrigues, F. C. M. de, & Leite, E. C. (2009). Estratégias Inovadoras em ATER Voltados à Transição Agroecológica e ao Desenvolvimento de SAFs: o Caso do Assentamento Ipanema, Iperó/SP. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/9584

Resumo

O Assentamento Ipanema, localizado dentro e ao redor da Floresta Nacional de Ipanema, constitui um peculiar exemplo do conflito existente entre o atendimento das demandas humanas e a necessidade em conservar o que resta dos ecossistemas nativos. Nele está sendo realizado o presente projeto, focado no desenvolvimento de metodologias e estratégias inovadoras de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) voltada à transição agroecológica e, principalmente, à implantação de Sistemas Agroflorestais (SAFs), entendidos como uma alternativa fundamental para conciliar conservação ambiental e sustentabilidade social. Espera-se que esta metodologia seja capaz de estabelecer um processo de difusão e ampliação autônoma, de forma eficaz e participativa. Até o momento, as estratégias de divulgação e diagnóstico, assim como viagens de intercâmbio, têm gerado bons resultados, superando dificuldades e mobilizando a comunidade para o processo que culminará na implantação dos SAFs voltados tanto à produção como à restauração de áreas degradadas.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.