Pastoreio Direto em Cana (Saccharum officunarum L.)
PDF

Palavras-chave

Pequena Agricultura
Produtividade
Assentamento
Tecnologia
forrageiro e Cerrado

Como Citar

Rodrigues Silveira, A. L. A., & Machado, L. C. P. (2009). Pastoreio Direto em Cana (Saccharum officunarum L.). Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/9492

Resumo

O estado de Goiás se destaca por ser uma grande bacia leiteira, ao longo das últimas décadas tem melhorado o padrão genético de seu rebanho, investido em tecnologias para aumentar a produção e produtividade, porém estas tecnologias ainda são inacessíveis ao pequeno produtor que ainda se mantém na atividade as custas de manejos convencionais e animais com baixo padrão genético que resulta em uma baixa média de produção leiteira por animal. Este cenário se agrava ainda mais quando nos defrontamos com diferenciações climáticas peculiares a região do cerrado. A produção de leite cai os animais perdem peso e com isso a remuneração ao produtor diminui ou até cessa. As opções oferecidas para alimentação do rebanho neste período são caras inviabilizando a atividade tendo em vista os baixos preços pagos ao produtor, a opção é baixar custos na produção investindo em tecnologias viáveis à pequena agricultura.Neste sentido a cana-de-açúcar surge como uma cultura que expressa seu potencial forrageiro justamente neste período. O pastoreio direto é uma forma de diminuir gastos com desintegração da cana para fornecimento aos animais, utiliza-se de variedades mais macias e direciona-se o pastejo da cana através de cerca elétrica os animais são levados ao piquete de cana para se alimentar. Esta experiência está sendo testada por um agricultor no assentamento Canudos em Palmeiras de Goiás e esta dando bons resultados.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.