A Importância da Avaliação da Qualidade da Água Subterrânea Consumida por Comunidades Carentes na Região Estuarina de Ponta de Pedras – Ilha de Marajó/Pará
PDF

Palavras-chave

estuário
conformidade
aqüíferos regionais.

Como Citar

Blaskovsky, C., & Lopes Caldas, R. (2009). A Importância da Avaliação da Qualidade da Água Subterrânea Consumida por Comunidades Carentes na Região Estuarina de Ponta de Pedras – Ilha de Marajó/Pará. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/9209

Resumo

O estudo foi desenvolvido em Ponta de Pedras/PA, objetivando estudar as características geoquímicas do ambiente flúvio-estuarino e águas subterrâneas, visando identificar influencias naturais e antrópicas, contribuindo para programas de SGA pelo poder público. Prováveis influências antrópicas no estuário podem estar associadas à dinâmica de atividades portuárias, cada vez mais crescentes com a implantação de complexos industriais. A pesquisa ocorreu nos períodos de estiagem e mais chuvoso. Foram selecionados pontos de coleta onde os resultados mostram comportamento diferenciado, revelando maior influência de águas salobras no estuário, de agosto a dezembro. As águas subterrâneas mostram características típicas de aqüíferos regionais. A ocorrência de coliformes totais e E.coli está em conformidade com as análises para amônio e nitrato, e mostram a necessidade de monitoramento constante e de esclarecimento à população para os cuidados indispensáveis ao saneamento.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.