Produção de Biomassa do Feijão-de-corda Associado aos Fungos Micorrízicos Arbusculares sob diferentes níveis de salinidade
PDF

Palavras-chave

Salinidade
fungos endofíticos
Vigna unguiculata (L) Walp.

Como Citar

de Castro Tavares, R., Mendes-Filho, P. F., de Lacerda, C. F., & Cruz, J. S. (2009). Produção de Biomassa do Feijão-de-corda Associado aos Fungos Micorrízicos Arbusculares sob diferentes níveis de salinidade. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/9191

Resumo

O feijão-de-corda é uma espécie leguminosa adaptada as condições semi-áridas, e pode ser utilizada como uma alternativa na convivência com áreas afetadas por sais, principalmente associadas às micorrizas. O objetivo do presente estudo foi avaliar a produção de biomassa do feijão-de-corda micorrizadas e submetidas a diferentes níveis de salinidade. O experimento foi instalado em casa de vegetação com delineamento experimental inteiramente casualizado, em esquema fatorial, 2 (presença e ausência de fungos micorrízicos arbusculares) x 5 níveis de condutividade elétrica da água de irrigação (0,7, 1,2, 2,2, 3,2 e 4,2 dS m-1), com 4 repetições. O feijão-de-corda associado aos FMA foi mais tolerante aos diferentes níveis de salinidade.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.