Produção Ecológica de Plantas Medicinais: considerações sobre a produção de novidades para a agricultura
PDF

Palavras-chave

plantas medicinais
transição tecnológica
inovação
agricultura sustentável

Como Citar

Marques, F. C. (2009). Produção Ecológica de Plantas Medicinais: considerações sobre a produção de novidades para a agricultura. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8966

Resumo

A produção de plantas medicinais tem sido crescentemente exigida em função do aumento de demanda por produtos naturais, havendo uma tendência em pensar o desenvolvimento tecnológico nos moldes da modernização agrícola. Por outro lado, agricultores criativamente geram tecnologias e estratégias para manterem-se na atividade. O trabalho objetivou evidenciar a produção de novidades para a agricultura pela análise da produção ecológica de PM. Através dos estudos de cinco casos de famílias de agricultores (em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul), utilizando uma abordagem multinível, multi-ator e multi-aspecto, foi possível identificar a potencialidade de um nicho de inovação tecnológica, tendo em vista que há um ativo processo de articulação de aprendizagens e de estabelecimento de redes sociais. A maior vulnerabilidade na emergência do nicho de inovação é a falta de alinhamento de objetivos e expectativas entre distintos atores envolvidos. Contudo, há potencial ao nível de nicho para promover transições para regimes sustentáveis na produção de PM.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.