Preparados Homeopáticos, Extrato de Barbatimão e Urina de Vaca no Controle da Fusariose do Abacaxi
PDF

Palavras-chave

controle alternativo
Fusarium subglutinans
Ananas comosus

Como Citar

Ferreira, I. C. P. V., Araujo, A. V. de, Gomes, J. G., & Sales, N. de L. P. (2009). Preparados Homeopáticos, Extrato de Barbatimão e Urina de Vaca no Controle da Fusariose do Abacaxi. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8867

Resumo

A fusariose do abacaxi é uma doença que causa grandes prejuízos para agricultores da comunidade rural de Abóboras, município de Montes Claros-MG. Em virtude desse fato, são escassos os cultivos de abacaxi na região. O objetivo deste trabalho foi testar diferentes produtos alternativos no controle da fusariose do abacaxizeiro. O experimento foi realizado em delineamento inteiramente casualizado com 6 tratamentos (extrato aquoso de barbatimão 5%, urina de vaca 1%, nosódio CH12, homeopatia de alfavaca-cravo CH12, fungicida (tiofanato-metílico) e testemunha, onde não houve tratamento), em 4 repetições. O extrato de barbatimão não afetou o desenvolvimento da planta e nem da folha D. Já as plantas tratadas com a homeopatia de alfavaca-cravo e as tratadas com urina de vaca obtiveram plantas com menor número de folhas. A menor incidência de sintomas da doença foi verificada no tratamento com o fungicida. O tratamento com homeopatia apresentou maior incidências do sintoma de curvatura do ápice..
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.