Resultados Preliminares da Relação entre o Código Florestal Brasileiro e as Propriedades Agrícolas de Base Familiar na Região Centro-Sul do Paraná
PDF

Palavras-chave

Agricultura Familiar
Adequação Ambiental
SIG
SISLEG
Código Florestal

Como Citar

Okuyama, K. K., Almeida, D., Ribeiro, D. R. S., Rocha, C. H., & Weirch Neto, P. H. (2009). Resultados Preliminares da Relação entre o Código Florestal Brasileiro e as Propriedades Agrícolas de Base Familiar na Região Centro-Sul do Paraná. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8839

Resumo

A adequação ambiental de unidades agrícolas é fundamental para o desenvolvimento sustentável. O presente trabalho objetiva mapear e analisar a dinâmica do uso do solo atual e a situação das APPs e RLs de 120 pequenas propriedades rurais localizadas na região Centro-Sul do Paraná. O trabalho inicia com a obtenção de dados geográficos referentes a estrutura das unidades agrícolas; em seguida os mesmos são enviados a um ambiente SIG, onde são elaborados os mapas referentes ao uso das terras atual e ao uso das terras com RL e APP devidamente respeitadas. Os dados obtidos até o presente momento evidenciam que as áreas destinadas a RL mostram-se excedentes em um contexto geral. Já as APPs, mostram-se deficitárias em 80% das propriedades quando necessárias. Apesar de deficitárias, a adequação pode ser alcançada, principalmente quando somada a políticas públicas que incentivem e viabilizem esta atividade.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.