Viabilidade Econômica e Técnica da Produção de Leite a Pasto no Assentamento Antonio Tavares: em Transição para Sistema Agroecológico e Convencional no Município de São Miguel do Iguaçu – PR.
PDF

Palavras-chave

leite a pasto
assentamentos
agroecologia.

Como Citar

Souza, L. L., & Erpen, J. G. (2009). Viabilidade Econômica e Técnica da Produção de Leite a Pasto no Assentamento Antonio Tavares: em Transição para Sistema Agroecológico e Convencional no Município de São Miguel do Iguaçu – PR. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8498

Resumo

O objetivo deste trabalho foi analisar a viabilidade técnica e econômica da produção de leite a pasto em dois sistemas de produção: transição à agroecologia e produção convencional. O presente trabalho foi realizado com 10 famílias do Assentamento Antônio Tavares, região oeste do Paraná, entre julho de 2008 e maio de 2009. Realizou-se entrevista e cálculo dos custos de produção. O custo por litro de leite no sistema de transição à agroecologia foi de R$0,25 e no sistema convencional foi de R$0,29 por litro de leite. A renda líquida anual é de R$10.673,88 no sistema de transição à agroecologia e de R$13.406,89 no sistema convencional. A produtividade por animal é de 8,3 L na transição à agroecologia e 9,6 L no convencional. A produtividade por área foi maior no sistema de transição à agroecologia, sendo 7.221 L/ha, e no sistema convencional foi de 7.060 L/ha. A transição à agroecologia gerou retorno econômico superior ao convencional quanto à produtividade por área.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.