Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar através da Produção Ecológica inserida nos Processos de Recuperação Ambiental e Gestão da Paisagem
PDF

Palavras-chave

Agricultura familiar
Pastoreio Voisin
Preservação Ambiental
Crescimento Sustentável.

Como Citar

Back, F., Schmitt F, A. L., Francisco, F., Surdi, J., & Alves, G. V. (2009). Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar através da Produção Ecológica inserida nos Processos de Recuperação Ambiental e Gestão da Paisagem. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8467

Resumo

A viabilização do meio rural requer, principalmente, soluções integrais que envolvam a qualidade de vida no campo e a reversão dos fluxos migratórios. A produção intensiva de leite sob Pastoreio Voisin se apresenta como um sistema agroecológico, uma alternativa ao sistema convencional. Em 1998 o Grupo de Pastoreio Voisin-GPVoisin (ZOT/CCA/UFSC) foi estruturado como um Grupo de Extensão e Pesquisa com o objetivo de viabilizar as pequenas propriedades familiares através da implantação de projetos de produção animal agroecológica elaborados por de acadêmicos enquanto em processo de capacitação. Após a elaboração e implantação de mais de 570 projetos de Produção de Leite sob Pastoreio Voisin em propriedades de pequenos agricultores da Encosta da Serra Catarinense, o GPVoisin tem focado seu trabalho na recuperação ambiental e gestão da paisagem através da implantação de projetos de Voisin Silvipastoril em propriedades do entorno do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, município de Paulo Lopes – SC. Cada propriedade é redesenhada de forma participativa envolvendo agricultores, acadêmicos, técnicos locais e professores. O planejamento se inicia com o inventários a campo, georeferenciamento com GPS, digitalização dos dados, e elaboração do mapa de uso atual. Em seguida é elaborado o Zoneamento Ambiental. Com as áreas da propriedade devidamente caracterizadas, é então elaborado o projeto de Voisin Silvipastoril, a recuperação das Áreas de Preservação Permanente, e a recuperação e uso da Reserva Legal. Na primeira fase do Programa foram elaborados e implantados 10 projetos com as respectivas Áreas de Preservação Permanentes isoladas e matas ciliares em recuperação. Este projeto tem viabilizado uma nova relação entre os pequenos produtores familiares do entorno das Unidade de Conservação, a atividade pecuária regenerativa, a recuperação do ecossistema local e a gestão da paisagem. O pequeno agricultor tem refletido sobre a relevância dos serviços ecossistêmicos e idealizado usos econômicos regenerativos, tanto para Sistemas Silvipastoris como para área de preservação permanente (AP) e reservas legais (RL). Um novo desenho de gestão do entorno do Parque tem sido construído.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.