Avaliação de Substratos Alternativos para Produção de Mudas de Repolho
PDF

Palavras-chave

composto organico
pó de rocha
Brasica Oleracea var. capitata

Como Citar

Soares, L. R., Pereira, D. C., Monteiro, V. H., Souza, C. H. W., Klein, M., Silva, M. da, Lorin, H. F., Costa, L. A. M., & Costa, M. S. S. M. (2009). Avaliação de Substratos Alternativos para Produção de Mudas de Repolho. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8410

Resumo

Sabendo da importância econômica da produção de repolho (Brasica Oleracea var. capitata) no Brasil e que a qualidade das mudas definirá a qualidade final do produto, o objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho de quatro substratos alternativos, compostos por diferentes teores de pó de rocha e composto orgânico, na produção de mudas de repolho e compará-los ao desempenho de um substrato comercial. As avaliações realizadas foram: CR (comprimento de raiz), MSR (massa seca de raiz), CPA (comprimento de parte aérea), MSPA (massa seca de parte aérea), DIAM (diâmetro de caule) e NF (numero de folhas por planta). O delineamento experimental foi de blocos casualisados com quatro repetições. Os resultados observados dos parâmetros avaliados mostraram de uma maneira geral melhores resultados para os substratos alternativos, tornando-se então viável a sua utilização na produção de mudas de repolho.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.