Efeitos da Quitosana no Desenvolvimento In Vitro de Videiras Cv. Merlot e no Crescimento Micelial do Fungo Elsinoe ampelina
PDF

Palavras-chave

uva
Vitis vinifera
antracnose da videira
agroecologia
fitopatologia.

Como Citar

Maia, A. J., Leite, C. D., Botelho, R. V., Faria, C. M. D. R., & Uber, S. C. (2009). Efeitos da Quitosana no Desenvolvimento In Vitro de Videiras Cv. Merlot e no Crescimento Micelial do Fungo Elsinoe ampelina. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8311

Resumo

O trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da quitosana no desenvolvimento in vitro de plântulas de videira cv. Merlot e sua atividade antifúngica sobre Elsinoe ampelina, agente causal da antracnose da videira. No primeiro experimento, explantes da cultivar Merlot foram transferidos para meio de cultura DSD1 acrescido das doses 0; 25; 50,100; 150 e 200 mg L-1 de quitosana. Após 90 dias de cultivo in vitro as plântulas foram avaliadas quanto ao número de raízes e de folhas, porcentagem de enraizamento e brotação, comprimento de raízes e de parte aérea, massa fresca da planta. No segundo experimento, incorporou-se as doses 0, 60, 120, 180, 240 e 300 mg L-1 de quitosana ao meio BDA, onde inoculou-se o fungo. Posteriormente, avaliou-se o crescimento micelial aos 6 e 9 dias de incubação a 25ºC no escuro. No primeiro experimento para as variáveis comprimento médio da parte aérea, massa fresca da planta inteira, porcentagem de enraizamento e porcentagem de estacas brotadas houve efeito linear negativo em função das doses de quitosana. No segundo experimento a dose de 300mg L-1, inibiu em 81,7% o crescimento micelial, demonstrando grande potencial do uso de quitosana no controle da antracnose da videira.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.