Bases Ecológicas para o Manejo da Mosca-Branca Bemisia tabaci em Sistemas Agroecológicos de Produção de TomateE
PDF

Palavras-chave

Ecologia de insetos
controle biológico conservativo
coentro

Como Citar

Togni, P. H. B., Medeiros, M. A., Cavalcante, K. R., Langer, L. F., Gravina, C. S., & Sujii, E. R. (2009). Bases Ecológicas para o Manejo da Mosca-Branca Bemisia tabaci em Sistemas Agroecológicos de Produção de TomateE. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8309

Resumo

Este trabalho descreve novas bases ecológicas para o manejo da mosca-branca Bemisia tabaci em sistemas agroecológicos de produção de tomate. Foram realizados experimentos em laboratório e em campo avaliando os efeitos do consórcio tomate+coentro e tipo de irrigação (aspersão e gotejamento) no comportamento e dinâmica populacional do inseto. Os voláteis exalados pelo coentro afetaram diretamente o encontro do tomateiro como planta hospedeira da mosca-branca. Em campo, esse consórcio associado a irrigação por aspersão favoreceram a abundância e diversidade das espécies de inimigos naturais ao passo que reduziram a colonização do tomateiro pela mosca-branca, principalmente no início do ciclo da cultura. Também são discutidos os efeitos diretos e indiretos do coentro e do tipo de irrigação nas populações de mosca-branca na produção agroecológica de tomate
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.