Incidência de Fungos Fitopatogênicos em Sementes de Jacaratia spinosa (Aubl.) A. DC
PDF

Palavras-chave

germinação
fitossanidade
envelhecimento acelerado
jaracatiá.

Como Citar

Batista de Lima, C., Cossa, C. A., Negrelle, R. R. B., Bueno, J. T., Sorace, M. A. F., & Janani, J. K. (2009). Incidência de Fungos Fitopatogênicos em Sementes de Jacaratia spinosa (Aubl.) A. DC. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8306

Resumo

Jacaratia spinosa (Aubl.) A. DC. é uma espécie pioneira e com grande potencial comercial que corre risco de extinção. Visando contribuir para o melhor entendimento da germinação e conseqüente otimização da produção de mudas de J. spinosa, apresenta-se resultados de estudo onde buscou-se avaliar a incidência de fungos fitopatogênicos nestas sementes, tanto em teste de germinação usual, quanto frente ao processo de envelhecimento acelerado tradicional e com solução salina. No teste de germinação assim como nas metodologias de envelhecimento acelerado, as sementes de jaracatiá apresentaram baixo percentual de germinação e elevada proliferação de fungos, com destaque para os gêneros Rhizopus, Penicillium, Fusarium e Aspergillus. A presença da sarcotesta é um potencial fator determinante do resultado obtido.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.