Mel na Composição da Renda em Unidades de Produção Familiar no Município de Capitão Poço, Pará, Brasil.
PDF

Palavras-chave

Amazônia
apicultura
agricultura familiar
atividade complementar

Como Citar

Castanheira Lima Both, J. P., & Carvalho Monteiro Both, A. L. (2009). Mel na Composição da Renda em Unidades de Produção Familiar no Município de Capitão Poço, Pará, Brasil. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8071

Resumo

Esta pesquisa estuda e analisa a importância sócio-econômica da atividade apícola na produção de mel. Os objetivos deste estudo foram identificar o manejo para a produção de mel e a importância sócio-econômica dessa atividade nas unidades de produção familiar, além de analisar a possibilidade de produção de mel orgânico em Capitão Poço. Foram entrevistadas 105 famílias em 24 comunidades no município de Capitão Poço. O questionário foi elaborado com perguntas objetivas e subjetivas abordando a situação fundiária, renda, produção, atividade agropecuária e atividades extra lotes. A produção total que em 2004 chegou a 48.870 kg de mel, nas 1961 colméias, saltou em 2007 para 94100 kg nas 3670 colméias, resultando no aumento da produção total de mel em 92,55%. Para 59 famílias de agricultores familiares o mel complementa entre 10% a 30% a renda familiar. A apicultura é uma atividade rentável e complementar para a região estudada, interligando os aspectos sociais, econômicos e ambientais.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.