Ações da Extensão Rural na Transição de Uma Propriedade Convencional da Agricultura Familiar para um Sistema Agroecológico Sustentável no Município de Jardim Alegre, Paraná, Brasil.
PDF

Palavras-chave

agricultura familiar
organismo agrícola
agroecológico
diversificação

Como Citar

Marins Peixoto, C. F. C. F. (2009). Ações da Extensão Rural na Transição de Uma Propriedade Convencional da Agricultura Familiar para um Sistema Agroecológico Sustentável no Município de Jardim Alegre, Paraná, Brasil. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/8041

Resumo

A ótica deste trabalho é voltada a propagação de novos modelos tecnológicos para as pequenas propriedades da agricultura familiar do município de Jardim Alegre – Paraná. Como característica intrínseca, 98% destas propriedades da agricultura familiar, em torno de 1.200 propriedades neste município, possuem um sistema de exploração com base principal na subsistência, ou seja, ocupam o solo com culturas de milho, feijão, café e pastagens para produção de leite. Visando intensificar um modelo de extensão rural aliado a uma produção agroecológica, promoveram-se alterações significativas para chegar a estes resultados, onde, o Sr João Batista dos Santos, produtor característico da agricultura familiar, com uma propriedade de 6,05 há, localizada na Comunidade Brasinha, se dispôs a desenvolver as ações dentro deste organismo agrícola denominado “propriedade rural ”, para ser uma referência nesta transição, buscando uma melhor diversificação de seu sistema de produção, adotando novas culturas e adequando a propriedade às normas ambientais vigentes, desencadeando um processo de sustentabilidade do sistema produtivo, efetivando a transição de um sistema convencional para um sistema de produção agroecológico. Os primeiros resultados deste processo desenvolvido já produzem indicadores que podem ser tomados como uma referência local, em apenas 10 meses de intervenção, a qualidade de vida e a capitalização deste organismo agrícola já são positivas e promissoras.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.