Qualidade das Sementes Salvas Utilizadas pelos Agricultores Familiares
PDF

Palavras-chave

semente salva
agricultura familiar
associativismo

Como Citar

Salengue Sobral, L., Simioni, K., de Abreu, L., Anselmi, A., & de Souza Graminho, D. (2009). Qualidade das Sementes Salvas Utilizadas pelos Agricultores Familiares. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/7994

Resumo

Este trabalho teve como objetivo avaliar a qualidade física e fisiológica das sementes salvas utilizadas pelos agricultores familiares de Novo Horizonte (SC). Das amostras analisadas apenas 50% apresentaram pureza física e germinação compatível com os padrões estabelecidos pela legislação de sementes para classe certificada (C2). Concluiu-se que: o maior problema se refere à composição física do material usado como semente; que os fatores que reprovaram as amostras podem ser controlados através de simples práticas de manejo no campo e pós-colheita, garantindo dessa forma, um material de melhor qualidade.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.