Crescimento de Mudas de Trema micrantha L. Blume em Diferentes Substratos Orgânicos
PDF

Palavras-chave

substratos orgânicos
mudas florestais
qualidade de muda.

Como Citar

Reis Vieira, A. A., de Jesus Pereira, A. A., & de Oliveira Gonçalves, E. E. (2009). Crescimento de Mudas de Trema micrantha L. Blume em Diferentes Substratos Orgânicos. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/7991

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi avaliar o crescimento de mudas de Crindiúva (Trema micrantha L. Blume) sob diferentes composições de substratos orgânicos. Foram utilizados esterco de boi, aves e o adubo organo mineral da marca Organovita, nas proporções de 20, 30 e 40% cada, além de solo puro e solo com fertilizante comercial, para comparação. O experimento consistiu de 13 tratamentos com quatro repetições cada, os quais foram dispostos em blocos casualizados. Ao final do experimento avaliaram-se os parâmetros morfológicos das mudas, algumas de suas relações e o Índice de Qualidade de Dickson. Conclui-se que os substratos que contiveram esterco bovino nas proporções de 40% se mostraram melhores para produção de mudas da espécie em ambiente a pleno sol de acordo com a maioria das características, favorecendo o crescimento das plantas.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.