Contribuições participativas para o sistema agrosilvipastoril
PDF

Palavras-chave

agrosilvipastoril
agricultura familiar
metodologias participativas

Como Citar

Assis, S. O. de. (2009). Contribuições participativas para o sistema agrosilvipastoril. Revista Brasileira De Agroecologia, 4(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/7987

Resumo

Ainda são recentes estudos participativos com sistemas agrosilvipastoris, especialmente em sistemas agroflorestais. Neste ensaio, foi realizado um diagnóstico participativo em uma propriedade agroecológica, localizada no município de Araponga (MG), na iminência de experimentar uma nova tecnologia para a agricultura familiar. Assim, visou-se identificar e analisar as condições estabelecidas no local a fim de consolidar a viabilidade da proposta e as necessidades da família. O método qualitativo utilizado se desenvolveu com base em técnicas da MEXPAR aliada a métodos quantitativos laboratoriais. Constatou-se que introduzir uma nova tecnologia não é tarefa simples. É necessário conhecer a realidade em que se aplica e os atores responsáveis por conduzir a tecnologia à realidade prática. Ressalta-se a importância daqueles atores participarem ativamente dos processos de planejamento da proposta para que possam estar cientes das certezas e incertezas dos resultados, bem como criarem um olhar crítico sobre um processo que transformará o ambiente em vivem.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.