Estudo florístico dos quintais agroflorestais na Região de Amargosa, Bahia.
PDF

Como Citar

CARVALHO, A. J. A. D., SOUZA, E. H. D., MARQUES, C. T. D. S., GAMA, E. V. S., & NACIF, P. G. S. (2007). Estudo florístico dos quintais agroflorestais na Região de Amargosa, Bahia. Revista Brasileira De Agroecologia, 2(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/7104

Resumo

O objetivo do presente trabalho é caracterizar e inventariar os componentes herbáceos, arbustivos e arbóreos nos Quintais Agroflorestais, do município de São Miguel das Matas, região de Amargosa, BA. Nas três unidades familiares estudadas, foram amostradas 5546 indivíduos vivos, distribuídas em 59 famílias, 100 gêneros e 111 espécies. As três espécies mais importantes economicamente foram Theobroma cacao, Manihot esculenta e Musa spp.. A família Myrtaceae apresentou o maior número de espécies (5,4% do total). Verificou-se a existência de três a cinco estratos verticais, desempenhando inúmeras funções e múltiplo uso.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.