Avaliação de cultivares crioulos de milho em agricultura orgânica no oeste do Paraná 2005/2007
PDF

Como Citar

Wagatsuma, E., Tsutsumi, C. Y., Gheller, J. L., & Höring, C. F. (2007). Avaliação de cultivares crioulos de milho em agricultura orgânica no oeste do Paraná 2005/2007. Revista Brasileira De Agroecologia, 2(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/6962

Resumo

RESUMO: O emprego de cultivares crioulas em sistema de produção orgânico proporciona maior autonomia à agricultura familiar, gerando independência de sementes comerciais, fortalecendo a relação entre o trabalho e a gestão das propriedades. Este trabalho é parte de um projeto que engloba a Itaipu Binacional, IAPAR, CAPA e UNIOESTE, visando o fortalecimento da agricultura familiar via agricultura orgânica. O presente trabalho tem como objetivo a avaliaçao de cultivares de milho crioulo no sistema de agricultura orgânica nos municípios de Marechal Cândido Rondon e Diamante D´Oeste, Paraná. Foi utilizado o delineamento de blocos ao acaso com quatro repetições. É fundamental que essas variedades, após resgatadas, sejam submetidas à experimentação em diversos locais e por vários anos para que se possa determinar seu valor como variedade local, permitindo sua difusão através da troca de materiais entre os agricultores, bem como a avaliação do seu potencial genético para melhoramento, visando a sua utilização em diferentes agroecossistemas e a partir daí ser possível detectar o potencial, favorável ou não, dessas cultivares. Palavras chave: Zea mays, agricultura familiar, Oeste do Paraná
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.