O TERRITÓRIO DE ARROIO GRANDE: DIVERSIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES E CONSTRUÇÃO DE IDENTIDADES
PDF

Como Citar

Luther, A. (2007). O TERRITÓRIO DE ARROIO GRANDE: DIVERSIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES E CONSTRUÇÃO DE IDENTIDADES. Revista Brasileira De Agroecologia, 2(1). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/6609

Resumo

Identificando e salientando a emergência de particularismos, a afirmação de especificidades ou a dinâmica de fragmentação, podemos facilmente demonstrar que a globalização, longe de implicar em uma homogeneização ou um apagamento das diferenças, constitui-se e alimenta-se exatamente de localismos globalizados e globalizáveis, neste trabalho identificado como territórios. Ao contrário do pressuposto de que os valores e decisões da sociedade tenderiam a uma padronização, como acontece com muitas empresas de âmbito mundial, a noção de uma interação econômica e social global (sem limites temporais e espaciais) propiciou a valorização das empresas locais, onde a especificidade dos produtos está assentada em características ambientais e culturais. E grande relevância deve-se a ação da sociedade (produtores e consumidores) na construção de novos padrões culturais e na valorização de mercados locais. Palavras-chaves: Agricultura familiar, diversificação e competitividade.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são do autor, com direitos de primeira publicação para a revista. Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.