A DIVERSIDADE DE INSETOS NUM POMAR CÍTRICO COM MANEJO ECOLÓGICO

Como Citar

Wolff, V. R. S., Silva, D. C., Messomo, J. B., Putz, C. E., Silva, L. N., Bertoldo, N. G., & Caetano, W. (2006). A DIVERSIDADE DE INSETOS NUM POMAR CÍTRICO COM MANEJO ECOLÓGICO. Revista Brasileira De Agroecologia, 1(1). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/5849

Resumo

Realizou-se o levantamento de insetos ocorrentes em um pomar cítrico com manejo ecológico, em Montenegro/ RS, nos anos de 2001-2002. Verificou-se uma diversidade de insetos distribuídos em 13 ordens totalizando cerca de 15.000 exemplares. Supõe-se que o pomar está em equilíbrio, estando presentes insetos que desempenham diversas funções no ecossistema, como por exemplo: parasitóides (microhimenópteros), predadores (coccinelídeos, crisopídeos, reduvídeos, sirfídeos, estafilinídeos, alguns pentatomídeos, formigas), polinizadores (abelhas, borboletas), além de insetos potencialmente praga (pulgões, cochonilhas, cigarrinhas, gafanhotos). Palavras-chave: entomofauna, equilíbrio ecológico, Citrus.

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são do autor, com direitos de primeira publicação para a revista. Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuito, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.