ALIMENTOS EM FEIRAS AGROECOLÓGICAS E ORGÂNICAS SÃO MAIS CAROS QUE CONVENCIONAIS EM SUPERMERCADOS?
PDF

Palavras-chave

Alimentos sem aditivos
Agricultura orgânica
Segurança alimentar e nutricional
alimentação saudável.

Como Citar

Alves Gaia, J., da Silva Gomes, A., Santos de Oliveira, A. D., Gomes de Souza, B., Marques Wanderley, T., & Longo-Silva, G. (2022). ALIMENTOS EM FEIRAS AGROECOLÓGICAS E ORGÂNICAS SÃO MAIS CAROS QUE CONVENCIONAIS EM SUPERMERCADOS?. Revista Brasileira De Agroecologia, 17(3), 176–191. https://doi.org/10.33240/rba.v17i3.23542

Resumo

A produção de alimentos agroecológicos e orgânicos têm aumentado nos últimos anos. Entretanto, fatores como disponibilidade e preço podem influenciar no consumo destes alimentos. Assim, objetivou-se comparar os preços de alimentos orgânicos e convencionais comercializados, respectivamente, em feiras agroecológicas e orgânicas e em supermercados de Maceió/AL. Estudo transversal realizado em feiras agroecológicas e orgânicas (n=6) e mesmo quantitativo de supermercados. Calculou-se as médias e percentuais de diferença dos preços de 114 alimentos (10 categorias). Do total, 70% das categorias não apresentaram diferenças significativas de preço (p<0,05), excetuando-se as verduras, cujo preço nas feiras foi inferior (-2,85%) e as categorias com preços superiores: legumes (41,01%) e ervas/temperos (29,28%). Alimentos em feiras orgânicas e agroecológicas são acessíveis economicamente, contribuindo com uma alimentação adequada e saudável derivada de um sistema de produção sustentável.

https://doi.org/10.33240/rba.v17i3.23542
PDF

Referências

BARBOSA, Silmara C.; MATTEUCCI, Magda B. A.; LEANDRO, Wilson M.; LEITE, Anderson F.; CAVALCANTE, Érika L. S.; ALMEIDA, Gustavo Q. E. Perfil do consumidor e oscilações de preços de produtos agroecológicos. Pesquisa Agropecuária Tropical, v. 41, n. 4, p. 602-609, 2011.

BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Agrário. Cadernos da Agricultura Familiar Volume 1 – Pronaf Agroecologia. Brasília, DF: Ministério do Desenvolvimento Agrário, 2016. 58p. Disponível em: <http://agroecologia.gov.br/sites/default/files/publicacoes/Caderno%201%20Pronaf%20Agroecologia%20web_1.pdf>. Acesso em: 13 jun. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Guia alimentar para população Brasileira. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2014. 156p. Disponível em: <https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/guia_alimentar_populacao_brasileira_2ed.pdf>. Acesso em: 13 jun. 2021.

BRASIL. Decreto nº 7.794, de 20 de agosto de 2012. Institui a Política Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 21 ago. 2012. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/decreto/d7794.htm>. Acesso em: 13 jun. 2021.

BRASIL. Decreto nº 6.323, de 27 de dezembro de 2007. Regulamenta a Lei no 10.831, de 23 de dezembro de 2003, que dispõe sobre a agricultura orgânica, e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 27 set. 2007. Disponível em: <https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/sustentabilidade/organicos/legislacao/portugues/decreto-no-06-323-de-27-de-dezembro-de-2007.pdf>. Acesso em: 22 abr. 2022.

BRASIL. Lei nº 11.346, de 15 de setembro de 2006. Cria o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional – SISAN com vistas em assegurar o direito humano à alimentação adequada e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 18 set. 2006. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2006/lei/l11346.htm>. Acesso em: 13 jun. 2021.

BRASIL. Lei nº 10.831, de 23 de dezembro de 2003. Dispõe sobre a agricultura orgânica e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2003. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasília, DF, 24 dez. 2003. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2003/l10.831.htm>. Acesso em: 18 abr. 2021.

CANDIOTO, Luciano Z. P. Organic products policy in Brazil. Land Use Policy, v. 71, p. 422-430, 2018.

CONSUMO de produtos orgânicos no brasil. Organis, 2017. Disponível em: <http://organis.org.br/wp-content/uploads/2019/05/Pesquisa-Consumo-de-Produtos-Org%C3%A2nicos-no-Brasil.pdf>. Acesso em: 13 jun 2021.

FANTINI, Andrea; ROVER, Oscar J.; CHIODO, Emilio; ASSING, Lucilene. Agroturismo e circuitos curtos de comercialização de alimentos orgânicos na associação “Acolhida na colônia” - SC/Brasil. Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 56, n. 3, p. 517-534, 2018.

FEIL, Alexandre A.; CYRNE, Carlos C. S.; SINDELAR, Fernanda C. W.; BARDEN, Júlia E.; DAMORO, Marlon. Profiles of sustainable food consumption: Consumer behavior toward organic food in southern region of Brazil. Journal of Cleaner Production, v. 258, p. 120690, 2020.

FERREIRA, Alberes S.; COELHO, Alexandre B. O Papel dos Preços e do Dispêndio no Consumo de Alimentos Orgânicos e Convencionais no Brasil. Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 55, n. 4, p. 635-640, 2017.

FUTEMMA, Célia. Organic Agriculture, Agroecology, and Agroforestry: Small Farmers in Brazil. In: IBARRA, Minerva A.; VÁZQUEZ, Manuel R. P.; BALTAZAR, Eduardo B.; ARAUJO, Luciana G. (Ed.). Socio-Environmental Regimes and Local Visions. 1 ed. Cham, Switzerland: Springer, 2020. p. 409-433.

GRIGORI, Pedro. Afinal, o Brasil é o maior consumidor de agrotóxico do mundo? Agenda pública, 2019. Disponível em: <https://apublica.org/2019/06/afinal-o-brasil-e-o-maior-consumidor-de-agrotoxico-do-mundo/>. Acesso em: 13 jun. 2021.

HERNANDES, Juliana F. M; ROSOLEN, Viviane B. Organic Foods in Brazil: A Bibliometric Study of Academic Researches Related to Organic Production Before and After the Conceptual Law. In: LEAL FILHO, Walter; BRITO, Paulo R. B.; FRANKENBERGER, Fernanda (Ed.). International Business, Trade and Institutional Sustainability. 1 ed. Cham, Switzerland: Springer, 2020. p. 485-496.

INSTITUTO BRASILEIRO DE DEFESA DO CONSUMIDOR - IDEC. Mapa de feiras orgânicas. 2021. Disponível em: <https://feirasorganicas.org.br/o-que-e/>. Acesso em: 13 jun. 2021.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Panorama Maceió, Alagoas. 2021a. Disponível em: <https://cidades.ibge.gov.br/brasil/al/maceio/panorama>. Acesso em: 13 jun. 2021.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE. Censo agropecuário. 2021b. Disponível em: <https://censos.ibge.gov.br/agro/2017/resultados-censo-agro-2017.html>. Acesso em: 13 jun. 2021.

INSTITUTO TERRA MATER. Produtos sem veneno, são sempre mais caros? 2015. Disponível em: <https://institutokairos.net/wp-content/uploads/2016/04/Pesquisa-Completa.pdf>. Acesso em: 14 jun. 2021.

INTERNATIONAL FEDERATION OF ORGANIC AGRICULTURE MOVEMENTS - IFOAM. Consolidated Annual Report of IFOAM-Organics International. Bonn, DE: IFOAM, 2018. 21p. Disponível em: <https://www.ifoam.bio/about-us/annual-reports>. Acesso em: 13 jun. 2021.

LAZAROIU, George; ANDRONIE, Mihai; UŢĂ, Cristian; HURLOIU, Iulian. Trust Management in Organic Agriculture: Sustainable Consumption Behavior, Environmentally Conscious Purchase Intention, and Healthy Food Choices. Frontiers in Public Health, v. 7, n. 340, p. 1-7, 2019.

LIMA, Sandra K.; GALIZA, Marcelo; VALADARES, Alexandre; ALVES, Fabio. Produção e consumo de produtos orgânicos no mundo e no Brasil. Brasília: IPEA, 2020. 50p. Disponível em: <https://www.google.com/url?q=http://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/9678/1/TD_2538.pdf&sa=D&source=editors&ust=1623712008406000&usg=AOvVaw18YH8gSkecXnKNi0fxkfSS>. Acesso em: 14 jun. 2021.

MARTINS, Adalgisa P. O.; BEZERRA, Maria F.; MARQUES JÚNIOR, Sérgio; BRITO, André F.; ANDRADE NETO, Júlio C.; GALVÃO JÚNIOR, José G. B.; LIMA JÚNIOR, Dorgival M.; RANGEL, Adriano H. N. Consumer behavior of organic and functional foods in Brazil. Food Science and Technology, v. 40, n. 2, p. 469-475, 2020.

MEEMKEN, Eva-Marie.; QAIM, Matin. Organic Agriculture, Food Security, and the Environment. Annual Review of Resource Economics, v. 10, n. 1, p. 39-63, 2018.

MONTEIRO, Carlos A.; CANNON, Geoffrey; LEVY, Renata B.; MOUBARAC, Jean-Claude.; JAIME, Patrícia C.; MARTINS, Ana P.; CANELLA, Daniela; LOUZADA, Maria L.; PARRA, Diana; RICARDO, Camila; CALIXTO, Giovanna; MACHADO, Priscila; MARTINS, Carla; MARTINEZ, Eurídice; BARALDI, Larissa; GARZILLO, Josefa; SATTAMINI, Isabela. NOVA. A estrela brilha. [Classificação dos alimentos. Saúde Pública]. World Nutrition, v. 7, n. 1-3, p. 28-40, 2016.

MOURA, Flávia B. P. A Mata Atlântica em Alagoas. Maceió: EDUFAL, 2006. 88p. Disponível em <https://www.researchgate.net/profile/Flavia-Moura-2/publication/280627113_Serie_Conversando_Sobre_Ciencia_A_Mata_Atlantica_em_Alagoas/links/55c0050c08aed621de13a581/Serie-Conversando-Sobre-Ciencia-A-Mata-Atlantica-em-Alagoas.pdf>. Acesso em 14 jun. 2021.

MUÑOZ, Cindy M. G.; GÓMEZ, Miller G. S.; SOARES, João P. G.; JUNQUEIRA, Ana M. R. Normativa de Produção Orgânica no Brasil: a percepção dos agricultores familiares do assentamento da Chapadinha, Sobradinho (DF). Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 54, n. 2, p. 361-376, 2016.

OLIVEIRA, Alex N. S.; ANDRADE, Esdras L.; NASCIMENTO, Marco A. D.; CONCEIÇÃO, Daniel N. Alterações espaciais da cobertura vegetal nativa na Reserva Ecológica de Manguezais da Lagoa do Roteiro e seu entorno. AmbientAL Maceió, v. 1, n 1, p. 12-25, 2017.

PANORAMA do consumo de orgânicos no brasil em 2019. Organis, 2019. Disponível em: <https://organis.org.br/pesquisa-consumidor-organico-2019/>. Acesso em: 14 jun. 2021.

RAMBO, Anelise G.; POZZEBOM, Luciana; DENTZ, Eduardo V. Circuitos curtos de comercialização e novos usos do território: considerações sobre o PNAE e as feiras livres. Revista grifos, v. 28, n. 46, p. 9-26, 2019.

SÁ, G.; Fantuzzi, D.; Veras, A.L; Pinto, J.C.; MOTTA, V. D. Análise comparativa de preço de alimentos convencionais e agroecológicos em Recife e Olinda/PE. Cadernos de Agroecologia, v. 13, n. 1, 2017.

SAMBUICHI, Regina H. R.; MOURA, Iracema F.; MATTOS, Luciano M.; ÁVILA, Mário L.; SPÍNOLA, Paulo A. C.; SILVA, Ana P. M. A política nacional de agroecologia e produção orgânica no Brasil: uma trajetória de luta pelo desenvolvimento rural sustentável. Brasília: IPEA, 2017. 463p. Disponível em: <https://www.google.com/url?q=https://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option%3Dcom_content%26view%3Darticle%26id%3D30805:a-politica-nacional-de-agroecologia-e-producao-organica-no-brasil%26catid%3D400:2017%26directory%3D1&sa=D&source=editors&ust=1623715229297000&usg=AOvVaw3wFYkUwD0hzmcAfeFwEulm/>. Acesso em: 13 jun. 2021.

SCHMEISKE, Devanilda O., MARSI, Teresa C. O. Disponibilidade e variação de preços de alimentos orgânicos in natura em Caraguatatuba-SP e São José dos Campos-SP. Journal of the Health Sciences Institute, v. 37, n. 1, p. 60-65, 2019.

SCHMITT, Cláudia J.; GRISA, Catia. Agroecologia, mercados e políticas públicas: uma análise a partir dos instrumentos de ação governamental. In: NIEDERLE, Paulo A.; ALMEIDA, Luciano; VEZZANI, Fabiane M. (Org.). Agroecologia: práticas, mercados e políticas para uma nova agricultura. 1 ed. Curitiba: Kairós, 2013. p. 215-265.

SILVA, Daniela A.; POLLI, Henrique Q. A Importância da agricultura orgânica para a saúde e o meio ambiente. Revista Interface Tecnológica, v. 17, n. 1, p. 505-516, 2020.

SILVEIRA, Karina N. C.; Ibarra, MINERVA A.; CARRILLO, Laura. The Environmental Regime for Climate Change and the Effects of Climatic Variability on Maya Livelihoods in Quintana Roo, Mexico. In: IBARRA, Minerva A.; VÁZQUEZ, Manuel R. P.; BALTAZAR, Eduardo B.; ARAUJO, Luciana G. (Ed.). Socio-Environmental Regimes and Local Visions. 1 ed. Cham, Switzerland: Springer, 2020. p. 169 - 184.

SOUZA, Vamberto O.; VITAL, Tales W. Motivações e atitudes: Um estudo comportamental sobre consumidores de produtos orgânicos em uma feira agroecológica do Recife-PE. In: SELVA, Vanice S. F.; CAVALCANTI, Brunna A. L. P.; SILVA, Jadson F; LIMA, Mariana C. G.; ARAÚJO, Michelle C.; HOLANDA, Tiago F. (Org.). Gestão dos ambientes nas práticas socioeconômicas. Ananindeua: Itacaiúnas, 2019. p. 38-56.

TOLEDO JUNIOR, Nivio M. Análise de preços de produtos de origem orgânica, convencional, da agricultura familiar e patronal comercializados em feiras e supermercados de Chapecó. 2016. 47p. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharel em Agronomia com ênfase em Agroecologia) - Universidade Federal da Fronteira Sul, Chapecó, 2016. Disponível em: <https://rd.uffs.edu.br/bitstream/prefix/1485/1/TOLEDO%20JUNIOR.pdf.>. Acesso em: 18 abr. 2022.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Joice Alves Gaia, Amanda da Silva Gomes, Ana Debora Santos de Oliveira, Bianca Gomes de Souza, Thiago Marques Wanderley, Giovana Longo-Silva

Métricas

Carregando Métricas ...