Na encruzilhada dos saberes e práticas: inserções antropológicas sobre estranhamento e alteridade no interior da Agroecologia
PDF

Palavras-chave

agroecologia
antropologia
diversidade cultural
alteridade
simetria

Como Citar

Silva Junior, R. D., & De Biase, L. (2012). Na encruzilhada dos saberes e práticas: inserções antropológicas sobre estranhamento e alteridade no interior da Agroecologia. Revista Brasileira De Agroecologia, 7(2). Recuperado de https://revistas.aba-agroecologia.org.br/rbagroecologia/article/view/12896

Resumo

O objetivo do artigo é apresentar elementos antropológicos que podem contribuir com o processo, já em curso, de edificação da agroecologia como campo de intersecção entre diferentes conhecimentos e práticas. O foco de atenção é a relação entre os agentes de saberes e práticas acadêmicas e os agentes de saberes e práticas locais e etnicamente determinadas. Para tanto, (1) buscamos discutir a incursão teórica da agroecologia sobre a diversidade cultural e suas decorrências práticas; (2) empreendemos uma destilação sobre as principais situações de estranhamento entre técnicos/cientistas e famílias agricultoras; e (3) apresentamos elementos conceituais da antropologia – “cultura”, “alteridade” e “simetria” – que podem contribuir tanto para superação dessas situações de estranhamento, quanto para relações de mútuo aprendizado entre os diferentes sujeitos imersos em contextos agroecológicos.
PDF

Aviso de Copyright
Os direitos autorais para artigos publicados nesta revista são dos autores, com direitos de primeira publicação para a revista.

Em virtude de aparecerem nesta revista de acesso público, os artigos são de distribuição gratuita, com atribuições próprias, em aplicações educacionais e não-comerciais com licenciada através da CC BY-NC-SA.