Silagens de cultivares e clones de batata doce para alimentação animal visando sustentabilidade da produção agrícola familiar.

Autores

  • Aline Beraldo Monteiro Universidade Federal de Lavras

Palavras-chave:

ensilagem, batata doce, bromatologia, alimentação animal.

Resumo

Sabe-se que a batata doce, além da grande quantidade de raízes ricas em carboidratos, tem a característica de produzir volume significativo de ramas. Estas ramas normalmente são mais ricas em proteína que apesar de não serem normalmente utilizadas, de forma sistemática, poderiam vir a contribuir como importante fonte de alimento para o rebanho bovino. O objetivo desse trabalho foi de caracterizar clones de batata doce quanto ao potencial para utilização das ramas na produção de silagem, após o aproveitamento das raízes para alimentação humana.Os 19 clones de batata doce juntamente com 5 cultivares comerciais tiveram suas ramas picadas e ensiladas em silos de laboratório.Aos 40 dias após o material foi retirado, procedendo-se as análises bromatológicas. O clone BD106 e as cultivares Palmas e Brazlândia Roxa apresentaram características superiores para produção de silagem das ramas. Utilizado dessa forma poderão vir a melhorar a sustentabilidade da produção agrícola familiar.

Biografia do Autor

Aline Beraldo Monteiro, Universidade Federal de Lavras

Autores:Aline Beraldo Monteiro1; João Aguilar Massaroto2; Cláudia Fernandes Gasparino1; Renata Rodrigues Silva1; Luiz Antonio Augusto Gomes1; Wilson Roberto Maluf1; José Cleto da Silva Filho3. 1 UFLA-Deptº de Agricultura e 3 UFLA-Dept° Zootecnia – Caixa Postal 3037. CEP 37200-000, Lavras – MG. 2 Universidade Estadual do Mato Grosso. Campus de Alta Floresta – CEP 78.580-000, Alta Floreta – MT.

Downloads

Publicado

2007-09-28

Edição

Seção

Resumos do V CBA - Manejo de Agroecossitemas sustentáveis