Atividade antifúngica de métodos de produção de extrato de nim no controle “in vitro” de corynespora cassiicola.

Autores

  • Joicilene Rodrigues Gusmão Universidade Estadual do Maranhão
  • Taíssa S. Fortaleza Universidade Estadual do Maranhão
  • Antonia Alice Costa Rodrigues Universidade Estadual do Maranhão
  • Leonardo de Jesus Machado Gois de Oliveira Universidade Estadual do Maranhão

Resumo

O uso de extratos de vegetais pode aumentar a eficiência do controle de doenças de plantas e ainda reduzir custos e impactos ambientais. Este trabalho teve como objetivo avaliar o método de produção de extrato de nim (Azadirachta indica) na concentração de 20%, in vitro no controle de Corynespora cassicola, agente causador da mancha alvo da soja. O extrato foi testado de três formas diferentes: extrato aquoso; extrato aquoso levado a banho-maria; e extrato aquoso autoclavado. Os testes foram realizados em placas de Petri contendo 20 ml de meio de cultura BDA (batata, dextrose e ágar). A partir de colônias do patógeno, foram obtidos discos de micélio de 5 mm, esses discos foram transferidos para o centro de cada uma das placas, posteriormente vedadas com filme plástico e mantidas em temperatura controlada (25±2 ºC). Cada preparo de extrato representou um tratamento. Placas contendo meio BDA com o fitopatógenos, sem adição dos extratos serviram de testemunha.No geral, todos os tratamentos mostraram-se eficientes na inibição do fungo, diferindo estatisticamente da testemunha.

Biografia do Autor

Leonardo de Jesus Machado Gois de Oliveira, Universidade Estadual do Maranhão

Estudante de Engenharia Agronomica da Universidade Estadual do Maranhão

Referências

BLAZQUEZ, C. H. Target spot. In: JONES, J. B.; JONES, J. P.; STALL, R. E.; ZITTER,T. A. Compendium of tomato diseases. St. Paul: APS Press, 1991. 23p.

CAMPANHOLA, C.; BETTIOL, W. Métodos Alternativos de Controle Fitossanitário. Jaguariúna: Embrapa Meio Ambiente, 279 p., 2003.

MATOS, F. J. A. 1998. Farmácias vivas. Fortaleza: EUFC. Nascimento PFC, Nascimento AC, Rodrigues CS, Antoniolli AR, Santos PO, Barbosa Júnior, Trindade RC 2007. Atividade antimicrobiana dos óleos essenciais: uma abordagem multifatorial dos métodos. Rev Bras Farmacogn 17: 108-113.

MOSSINI, S.A.G.; KEMMELMEIER, C. A arvore Nim (Azadirachta indica A. Juss): Multiplos Usos.Maringa. Acta Farmaceutica Bonaerense, Buenos Aires, v. 24, n.1, p - 139-148, 2005. Disponivelem: < http//www.sciencedirect.com >. Acesso em: 17 abr 2015.

POSTMA. J. et al. Soil suppressiveness and functional diversity of the soil microflora in organic farming systems. Soil Biology & Biochemistry, Elmsford, v. 40, n. 2, p. 2394–2406, 2008.

SILVA, M. B.; MORANDI, M. A. B.; PAULA JÚNIOR, T. J.; VENZON, M.; FONSECA, M. C. M. Uso de princípios bioativos de plantas no controle de fitopatógenos e pragas. Informe Agropecuário, Belo Horizonte, v. 31, n. 255, p. 70-77, 2010.

STADNIK, M. J.; TALAMINI, V.; Extratos vegetais e de algas no controle de doenças de plantas. In: STADNIK, Marciel J.; TALAMINI, Viviane (Comp.). Manejo Ecológico de Doenças de Plantas. Florianópolis: CCA/UFSC, 2004. Cap. 4, p. 45-62.

STANGARLIN, J. R.; SCHWAN-ESTRADA, K. R. F.; CRUZ, M. E. S.; NOZAKI, M. H. Plantas medicinais e controle alternativo de fitopatógenos. Biotecnologia Ciência & Desenvolvimento, Brasília, n.11, p.16-21, 1999.

VERZIGNASSI, J. R.; VIDA, J. B.; TESSMAM, D. J. Corynespora cassiicola causando epidemias de manchas foliares em pepino "japonês" sob estufa no norte do Paraná. Fitopatologia Brasileira, v. 28, n. 5, p. 570, 2003.

Downloads

Publicado

2016-05-16

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)