Emergência do plantio de açaí: rumo inverso a agroecologia? O caso de Paragominas

Autores

  • Maria Rucione Gomes Universidade Federal Rural da Amazônia
  • Francisca Daniela de Araujo Padilha Universidade Federal Rural da Amazônia
  • Mario Oliveira Gomes EMBRAPA
  • Antonio Gabriel Lima Resque Universidade Federal Rural da Amazônia
  • Nathalie Cialdella CIRAD

Resumo

O objetivo deste trabalho foi observar as dinâmicas de plantação de açaí no município de Paragominas, as redes sócio-profissionais que estão se construindo e o papel das instituições (pesquisa, extensão e politicas) neste processo. A pesquisa foi feita por meio de revisão bibliográfica e documental e aplicação de roteiro semi-estruturado com atores (instituições e produtores) relevantes para a questão do açaí no município, sendo entrevistados 6 instituições e 2 produtores. Concluiu-se que o açaí vem ganhando destaque no município, mas ainda de forma incipiente, englobando de forma diferenciada produtores mais ou menos capitalizados, sendo estes acompanhados de forma mais próxima (SAGRI e EMATER), indireta (EMBRAPA e SEMAGRI) ou praticamente inexistente (STTR e SPR) pelas instituições atuantes no meio rural do município.

Biografia do Autor

Maria Rucione Gomes, Universidade Federal Rural da Amazônia

Discente da Universidade Federal Rural da Amazônia

Francisca Daniela de Araujo Padilha, Universidade Federal Rural da Amazônia

Discente da Universidade Federal Rural da Amazônia - UFRA

Mario Oliveira Gomes, EMBRAPA

EMBRAPA

Antonio Gabriel Lima Resque, Universidade Federal Rural da Amazônia

Docente da Universidade Federal Rural da Amazônia

Nathalie Cialdella, CIRAD

Pesquisadora do CIRAD

Referências

ALTIERI, M. Agroecologia: as bases científicas da agricultura alternativa. Rio de Janeiro: PTA: FASE, 1989. 273p.

BIASOLI, A. Z. M. M., DIAS DA SILVA, M. H. G. F. Análise qualitativa de dados de entrevista: uma proposta. Paidéia - USP, Ribeirão Preto, V.2, p. 61-69, Fev/Jul. 1992.

BRONDÍZIO, E. The Amazonian Caboclo and the Açaí Palm: Forest Farmers in the Global Market. New York: Ed. Botanical Garden Pr Dept, 2008. 403p.

CIALDELLA, N., NAVEGANTES ALVES L. La ruée vers l’açaí: trajectoires d’un fruit emblématique d’Amazonie. Revue Tiers Mondes, v. 220, n. 4 p.119-135, dez. 2014

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em: . Acesso em: 29 abr. 2015.

KAUFMANN, J.C. L'entretien compréhensif. Paris: Nathan, 1996. 126p.

SANTANA, A. C.; COSTA, F. A. Mudanças recentes na oferta e demanda do açaí no estado do Pará. In: SANTANA, A. C.; CARVALHO, D. F.; MENDES, F. A. T. Análise sistêmica da fruticultura paraense: organização, mercado e competitividade empresarial. Belém: Banco da Amazônia, 2008. P. 21-62.

Downloads

Publicado

2016-05-15

Edição

Seção

IX CBA 3. Sistemas de Produção Agroecológica.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)