Preparados homeopáticos no enraizamento de estacas caulinares de espinheira-santa

Autores

  • Lucas Ferenzini Alves UNESP- Câmpus de Botucatu
  • Filipe Pereira Giardini Bonfim UNESP- Câmpus de Botucatu
  • Sthefani Gonçalves Oliveira UNESP- Câmpus de Botucatu

Resumo

A espinheira-santa é espécie medicinal com ação terapêutica comprovada cientificamente com funcionalidades para os tratamentos de problemas gástricos, diuréticos, úlceras e cicatrizantes das afecções de pele. A espécie é considerada de difícil enraizamento, o que dificulta sua propagação vegetativa. O presente trabalho objetivou avaliar a aplicação de preparado homeopático de Arnica montana 6CH, 12CH, duas testemunhas, água destilada e etanol 70% no enraizamento de estacas caulinares apicais de espinheira-santa. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado com 4 tratamentos e 10 repetições, cada unidade experimental constituídas por dez estacas. O preparado homeopático de Arnica montana 6CH obteve o melhor resultado se diferenciando em todas as características avaliadas, apresentando taxa de sobrevivência de 90% e taxa de enraizamento de 28%.

Biografia do Autor

Lucas Ferenzini Alves, UNESP- Câmpus de Botucatu

Bacharel em Agroecologia Especialização em Gestão Ambiental Mestre e Doutorando em Agronomia/Horticultura

Filipe Pereira Giardini Bonfim, UNESP- Câmpus de Botucatu

Prof. Dr. do Departamento de Horticultura da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) - UNESP/Campus de Botucatu, São Paulo. Departamento de Horticultura

Sthefani Gonçalves Oliveira, UNESP- Câmpus de Botucatu

Doutoranda em Agronomia/Horticultura pela UNESP - Campus Botucatu. Mestre em Agronomia/Horticultura pela UNESP - Campus Botucatu. Bacharela em Agroecologia pelo IF Sudeste MG - Campus Rio Pomba.

Referências

BONFIM, F. P. G.; MARTINS, E. R.; DORES, R. G. R.; BARBOSA, C. K. R.; CASALI, V. W. D.; HONÓRIO, I. C. G. Use of homeopathic Arnica montana for the issuance of roots of Rosmarinus officinalis L. and Lippia alba (Mill) N.E.Br. Guaratinguetá, International Journal of High Dilution Research, v. 23, n. 7, p. 113-117, 2008.

BRASIL. Decreto n. 5813 de 22 de junho de 2006. Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos e dá outras providências. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil]. Brasília, DF, 23 jun. 2006. Seção 1.

BRASIL. Instrução Normativa n° 07, de 17 de maio de 1999. Dispõe sobre normas para a produção de produtos orgânicos vegetais e animais. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, DF, 17 mai. 1999. Seção 1.

CARLINI, E. L. A. Estudo de ação antiúlcera gástrica de plantas brasileiras: Maytenus ilicifolia (Espinheira-santa) e outras. Boletim Científico da Central de Medicamentos, Brasília, n. 1, 1988. 87p.

CARVALHO-OKANO, R. M. Estudos taxonômicos do gênero Maytenus Mol. emend. Mol (Celastracea) do Brasil extra-amazônico. 1992. 253f. Tese (Doutorado em Biologia Vegetal)-Instituto de Biologia, Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 1992.

CASALI, V. W. D.; DORES, R. G. R.; ANDRADE, F. M. C.; ARMOND, C.; BONFIM, F. P. G. ed. 1 Acognose de altas diluições, Viçosa, MG: UFV. 2012. v.1, 212p.

HARTMANN, H. T.; KESTER, D. E.; DAVIES Jr., F. T..; GENEVE, R. L. Plantpropagation: principles and practices. 8ed. Boston: Prentice-Hall, 2011. 915 p.

MORAES, L. C. C. A. V. Crescimento de mudas clonais de eucalipto com aplicação de preparados homeopáticos. 2009. 65f. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia), Universidade Federal de Viçosa. Viçosa. 2009.

MORENO, J. A. Geografia e homeopatia. In: SEMINÁRIO BRSILEIRO SOBRE HOMEOPATIA NA AGROPECUÁRIA ORGÂNICA, 1., 1999, Viçosa-MG. Anais... Viçosa MG: UFV, 1999. p. 18-34.

Downloads

Publicado

2016-05-16

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)