Educação, alimentação e saúde: revelando de forma lúdica a importância de uma alimentação saudável – Lagoa Seca, Paraíba.

Autores

  • Ailsa Cristiane Arcanjo Soares UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA-UEPB
  • Shirleyde Alves dos Santos Universidade Estadual da Paraíba
  • Dynjara Costa Silva Universidade Estadual da Paraíba
  • Diego de Miranda Rodrigues Universidade Estadual da Paraíba
  • Jullyanner Leite Melo Regis de Araújo Universidade Estadual da Paraíba

Resumo

A educação em saúde deve ser construída pelo conjunto, família e escola, pois ambas tem seu papel fundamental na construção de um indivíduo. É na infância que muitos dos nossos hábitos são construídos, como os hábitos alimentares. E o sistema alimentar mundial apresenta características que contribuem para um círculo vicioso de Insegurança Alimentar. Este trabalho teve como objetivo realizar oficinas com crianças de uma Escola Municipal sobre alimentação saudável, e conscientizar sobre a importância da promoção da saúde humana e do meio ambiente, destacando a produção agroecológica de alimentos. As ações foram desenvolvidas no Campus II, da UEPB, zona rural de Lagoa Seca/PB, onde também está localizada a Escola. Destacamos a importância da continuidade desse trabalho na comunidade para uma maior conscientização sobre produção e consumo de alimentos saudáveis, e a diminuição nos índices de Insegurança Alimentar.

Biografia do Autor

Ailsa Cristiane Arcanjo Soares, UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA-UEPB

Bacharela em Agroecologia

Shirleyde Alves dos Santos, Universidade Estadual da Paraíba

Mestre em Saúde Pública Professora do Departamento de Agroecologia e Agropecuária

Dynjara Costa Silva, Universidade Estadual da Paraíba

Graduanda em Agroecologia

Diego de Miranda Rodrigues, Universidade Estadual da Paraíba

Graduando em Agroecologia

Jullyanner Leite Melo Regis de Araújo, Universidade Estadual da Paraíba

Bacharela em Agroecologia Aluna da Especialização em Agroecologia

Referências

ACCIOLY, Elizabeth. A escola como promotora da alimentação saudável. Vol. 2, Nº2. Rio de Janeiro, Revista Ciência em Tela, 2009. Net. Disponível em: http://www.cienciaemtela.nutes.ufrj.br/artigos/0209accioly.pdf> Acesso em: jul. 2014.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saude. Departamento de Atenção Básica. Guia alimentar para a população brasileira. 2 ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2014.

KUMMER, L. Metodologia participativa no meio rural: uma visão interdisciplinar. Conceitos, ferramentas e vivências. GTZ, Salvador: 2007.

MALUF, R.S.; REIS, M.C.dos. Segurança alimentar e nutricional na perspectiva sistêmica. In: ROCHA, C. (org). Segurança alimentar e nutricional: perspectivas, aprendizados e desafios para as políticas públicas. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2013. Pp. 43-68.

Downloads

Publicado

2016-05-18

Edição

Seção

IX CBA-Agroecologia / Relatos de Experiências

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)