Estudo de Práticas Inovadoras de Base Agroecológica em Estabelecimentos Rurais Familiares no Baixo Tocantins, Cametá, Pará

Autores

  • Paulo Celso Santiago Bittencourt UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARA
  • Adenilson Almeida Vieira UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ
  • Silvia Cristina Carvalho Serrão UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ

Resumo

O artigo descreve o uso de práticas inovadoras, em estabelecimentos agrícolas para a produção de pimenta-do-reino (Piper nigrum L.), com base nas estratégias tomadas por dois produtores de Cametá, Pará. Sendo que as práticas de manejo adotadas possuem grande importância para a implantação de sistemas agroecológicos no município. Essas práticas fundamentadas na Agroecologia, entendida como uma Ciência ainda em formulação, que tem seus princípios pautados nos métodos e práticas tradicionais de manejo produtivo dos agroecossistemas, dando realmente valor aos recursos naturais disponíveis na natureza. O presente estudo iniciou a partir da sistematização dos dados levantados no estágio de vivência realizado nas comunidades, prosseguindo com visitas na área de produtores com realizações de entrevistas semiestruturadas. Concluindo que os agricultores realmente realizam práticas que tem por base os princípios agroecológicos, além de contribuírem para a construção de práticas inovadoras em estabelecimentos agrícolas, para o fortalecimento da agricultura familiar no Baixo Tocantins.

Biografia do Autor

Paulo Celso Santiago Bittencourt, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARA

Campus Universitário de Ananindeua

Downloads

Publicado

2016-05-16

Edição

Seção

IX CBA 5. Construção do Conhecimento Agroecológico

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)