A importância de práticas agroecológicas e dinâmicas de sensibilização para a construção coletiva da conscientização ambiental na Escola Classe Pedra Fundamental, Planaltina-DF

Autores

  • Deborah Gomes da Silva Paiva Instituto Federal de Brasília
  • Diane Ivanise Fiamoncini Professora no IFB, Campus Planaltina.

Resumo

O trabalho ocorreu numa escola rural de ensino fundamental. A escolha justificou-se pelo intercâmbio de conhecimentos. Por um lado, o IFB inseriu práticas agroecológicas e dinâmicas de sensibilização ambiental junto aos estudantes e por outro lado, as famílias destes alunos informaram sobre suas práticas agrícolas. O objetivo da pesquisa foi compreender se as atividades desenvolvidas ajudaram na construção da conscientização ambiental. Foram feitos questionários com as famílias e entrevistas semiestruturadas com as professoras. Como resultado verificou-se que o processo de compostagem e seu ensino pelas crianças aos servidores da manutenção, a opção por alimentos saudáveis e o compartilhamento de sementes com as famílias revelaram que houve um aprendizado de princípios agroecológicos. A pesquisa demonstrou que é necessária uma continuidade para reforço da Agroecologia, além de revelar que trabalho de conscientização ambiental precisa envolver todos que compõem a comunidade escolar.

Biografia do Autor

Deborah Gomes da Silva Paiva, Instituto Federal de Brasília

Estudante no curso Superior de Tecnologia em Agroecologia do IFB, Campus Planaltina.

Referências

Guimarães, M. A dimensão ambiental na educação. 7ª ed. Campinas: Papirus, 1995.

Downloads

Publicado

2016-05-18

Edição

Seção

IX CBA-Agroecologia / Relatos de Experiências