Fartura de alimentos e de conhecimentos: experiência agroecológica em São Domingos do Capim, Nordeste Paraense.

Autores

  • Noemi Diniz Sacramento Programa de Pós-Graduação em Agriculturas Amazônicas/Universidade Federal do Pará
  • Gutemberg Armando Diniz Guerra Universidade Federal do Pará
  • Genisson Paes Chaves Universidade Federal do Pará

Resumo

O relato de experiência baseia-se no intercâmbio de conhecimentos entre agricultores familiares do município de São Domingos do Capim e mestrandos do curso de Mestrado em Agriculturas Familiares e Desenvolvimento Sustentável, da Universidade Federal do Pará (MAFDS/UFPA). Trata-se da visita de campo, proporcionada pelo Programa de Pós-Graduação em Agriculturas Amazônicas (PPGAA) e Embrapa/Amazônia Oriental a agricultores familiares que transitaram de um modelo tradicional de agricultura baseado no corte e queima para a diversificação produtiva agroecológica. O intuito foi aproximar os mestrandos da realidade vivenciada no meio rural da Região Nordeste Paraense. A experiência possibilita uma formação coerente, através do entendimento que teoria e realidade são pares indissociável para a pesquisa.

Biografia do Autor

Noemi Diniz Sacramento, Programa de Pós-Graduação em Agriculturas Amazônicas/Universidade Federal do Pará

Engenheira agrônoma formada pela Universidade Federal do Pará; Analista de Desenvolvimento Rural do Governo do Estado do Amapá; Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Agriculturas Amazônicas

Gutemberg Armando Diniz Guerra, Universidade Federal do Pará

doutor em Socio Economia do Desenvolvimento pela École des Hautes Études en Sciences Sociales, Paris, França (1999), Pós doutor pela Columbia Universtiy in New York City (2009). Professor do Programa de Pós-Graduação em Agriculturas Amazônicas

Genisson Paes Chaves, Universidade Federal do Pará

Formado em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Pará; Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Agriculturas Amazônicas.

Referências

BEAUD, S.; WEBER, F. Guia para a pesquisa de campo: como produzir e analisar dados etnográficos. Tradução de Sérgio Joaquim de Almeida. Petrópolis: Vozes, 2007.

CAPORAL, F. R. Agroecologia: uma nova ciência para apoiar a transição a agriculturas mais sustentáveis. Brasília: 2009. (30 p.)

CARMO, M. S. Do. Agricultura familiar e o local na transição agroecológica. (SD).

MICHELAT, G. Sobre a utilização da entrevista não-diretiva em sociologia. In: THIOLENT, M. (Orgs.). Crítica metodológica, investigação social e enquete operária. São Paulo: Livraria e Ed. POLIS. 1987.

SEVILLA GUZMÁN, E. El Despliegue de la Sociología Agrária hacia la Agroecologia. Caderno interdisciplinar de desarrollo sostennible, nº 10, abr., 2013.

Downloads

Publicado

2016-05-18

Edição

Seção

IX CBA-Agroecologia / Relatos de Experiências