Chitas Nativa: Criatividade e inovação na produção artesanal dos grupos de mulheres

Autores

  • JOZANE LIMA SANTIAGO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS
  • JONE LIMA SANTIAGO Universidade Federal do Amazonas
  • LUZIMEIRE CAVALCANTE Universidade Federal do Amazonas
  • Therezinha de Jesus Pinto Fraxe CENTRO DE CIÊNCIAS DO AMBIENTE
  • Antonia Viana Centro Universitário Leonardo da Vinci

Resumo

O relato trata da experiência da produção artesanal dos grupos de mulheres das comunidades rurais e urbanas, inseridas no projeto de extensão Fortalecimento da Organização Social e Potenciais Mercados, desenvolvido pelo Núcleo de Socioeconomia. Nesse sentido, como parte das atividades do projeto, foram identificados nas visitas as comunidades grupos de produção artesanal com potencial para comercialização em feiras, no caso específico na feira AGROUFAM (Feira da Produção Familiar) e posteriormente, como processo de incubação desses grupos de mulheres, a comercialização dos produtos do artesanato produzido por esses grupos, foi adquirido por esses grupos de mulheres um Quiosque no Shopping Manauara por um período determinado, no qual foram expostos e vendidos, os produtos Chitas Nativa, uma marca criada para integrar os grupos de mulheres que agregaram aos recursos naturais, o tecido chitas. O resultado desse empreendimento solidário foi a geração de renda para mulheres que antes não tinham participação econômica nas famílias.

Biografia do Autor

JOZANE LIMA SANTIAGO, UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS

Professora Assistente da Faculdade de Ciências Agrárias. Atua na área de organização social e agroecologia.

JONE LIMA SANTIAGO, Universidade Federal do Amazonas

Pesquisador do Núcleo de Socioeconomia. Atua na área de logística e associativismo.

LUZIMEIRE CAVALCANTE, Universidade Federal do Amazonas

Pesquisadora do Núcleo de Socioeconomia. Atua na área de coordenação de cursos de artesanato e associativismo.

Therezinha de Jesus Pinto Fraxe, CENTRO DE CIÊNCIAS DO AMBIENTE

Professora Associada 2 da Universidade Federal do Amazonas. Diretora do Centro de Ciências do Ambiente.

Antonia Viana, Centro Universitário Leonardo da Vinci

Educadora social do projeto Chitas Nativa. Atua na formação de grupos de mulheres.

Referências

ALVES, C. M. A arte que estampa a moda. Monografia, UNISAL: Americana.2006.75p.

AQUINO, Soraya Farias. Mulher, Trabalho Informal e Vida Cotidiana na Feira Modelo da Compensa. 2010, p. 16.

ANDRIOLI, Antônio Inácio. Agricultura familiar e sustentabilidade ambiental. Revista Espaço Acadêmico, n. 89, 2008. Disponível em:http://www.espacoacademico.com.br/089/89andrioli.pdf . Acesso em: 09 mar de 2012.

BADUE, A. F.; Borges; GOMES, F. F. F. Parceria entre Consumidores e Produtores na Organização de Feiras. São Paulo: Instituto Kairós, 2011, 44 p.

Downloads

Publicado

2016-05-18

Edição

Seção

IX CBA-Agroecologia / Relatos de Experiências

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)