Formação de agentes de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) para atuação dialógica e agroecológica no Vale do São Francisco – BA

Autores

  • Cristiane Moraes Marinho Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sertão Pernambucano - Campus Ouricuri
  • Helder Ribeiro Freitas Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF)
  • Moisés Felix de Carvalho Neto Universidade do Vale do São Francisco (UNIVASF)
  • Priscila Helena Machado Universidade do Vale do São Francisco (UNIVASF)

Resumo

Este trabalho apresenta a experiência de formação de Agentes de ATER para a Intervenção Sociotécnica, Participativa e Agroecológica desenvolvida pelo Núcleo de Pesquisa e Estudos Sertão Agroecológico em parceria com o Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada, Instituto Agronômico de Pernambuco, e Escola Família Agrícola de Sobradinho/BA, realizada no corrente ano. O objetivo principal da formação foi capacitar os agentes de ATER a realizar intervenções de forma dialógica promovendo, ao mesmo tempo, a construção dos conhecimentos agroecológicos, à participação crítica e a construção da autonomia dos agricultores e suas comunidades. Como resultado das reflexões realizadas ao longo do processo formativo observou-se que a perspectiva de participação e construção dos conhecimentos deve perpassar a própria metodologia de formação dos agentes de ATER e que esta desse acontecer de forma continuada, ou seja, ao longo do próprio percurso profissional dos agentes.

Biografia do Autor

Cristiane Moraes Marinho, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sertão Pernambucano - Campus Ouricuri

Pedagoga,Mestre em Extensão Rural membro do Núcleo de Pesquisa Núcleo de Pesquisa e Estudos em Agroecologia Sertão Agroecológico (NUPESA). Atualmente é professora no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano - Campus Ouricuri

Helder Ribeiro Freitas, Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF)

Professor do Colegiado de Engenharia Agronômica da Universidade do Vale do São Francisco e coordenador geral do Núcleo de Pesquisa e Estudos em Agroecologia Sertão Agroecológico (NUPESA)

Moisés Felix de Carvalho Neto, Universidade do Vale do São Francisco (UNIVASF)

Engenheiro Agrônomo, Mestrando em produção vegetal na Universidade do Vale do São Francisco (UNIVASF) e bolsista do Núcleo de Pesquisa e Estudos em Agroecologia Sertão Agroecológico (NUPESA)

Priscila Helena Machado, Universidade do Vale do São Francisco (UNIVASF)

Graduanda em Engenharia Agronômica

Referências

COELHO, France M. Gontijo. A arte das orientações técnicas no campo: concepções e métodos. Viçosa: Editora UFV, 2005. Revisado e ampliado. 2014;

FREIRE, Paulo. Extensão ou Comunicação. 15ª Edição. São Paulo: Paz e Terra. 2011

KUMMER, L. Metodologia participativa no meio rural: uma visão interdisciplinar. conceitos, ferramentas e vivências. - Salvador: GTZ, 2007.

Downloads

Publicado

2016-05-18

Edição

Seção

IX CBA-Agroecologia / Relatos de Experiências

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)