Piscicultura em tanques-rede como medida de compensação social aos pescadores artesanais de Tucuruí: construindo novos saberes e práticas?

Autores

  • Mariana Neves Cruz Universidade Federal do Pará

Resumo

O trabalho aborda a construção de políticas de mitigação para a inserção de pescadores artesanais na economia de mercado através do incentivo à piscicultura. Objetivamos refletir sobre incongruências construídas a partir da tentativa de transformação de pescadores artesanais em aquicultores, tendo como lócus de pesquisa o parque aquícola Breu Branco III, localizado no Município de Breu Branco – PA, voltado para pescadores artesanais residentes em Tucuruí (PA), que propõe a piscicultura em tanques-rede como medida de compensação social aos atingidos pela construção das eclusas de Tucuruí. Para a construção deste trabalho foram realizados levantamento bibliográfico e documental sobre pesca artesanal e parques aquícolas no Brasil, deslocamento á campo e entrevistas abertas e semi-estruturadas. A implantação do Parque Aquícola promoveu a quebra da coesão social entre pescadores artesanais, não sendo capaz de estabelecer novas coesões, levando ao abandono da prática da piscicultura.

Biografia do Autor

Mariana Neves Cruz, Universidade Federal do Pará

DOUTORADO EM ANDAMENTO EM ECOLOGIA AQUÁTICA E PESCA. MESTRE EM GEOGRAFIA. GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ.

Referências

ARAÚJO, Eduardo André Duarte de. Estudo do impacto socioeconômico da piscicultura em tanques-rede no reservatório da UHE Tucuruí-PA: O caso do Projeto IPIRÁ. Universidade Federal do Pará Núcleo de Meio Ambiente – NUMA. Programa de Pós-Graduação em GESTÃO dos Recursos Naturais e Desenvolvimento Local na Amazônia – PPGEDAM. Dissertação de Mestrado: BELÉM, 2014.

IICA. Projeto socioprodutivo de manejo, produção e comercialização de peixes no Parque Aquícola Breu Branco III. 2013a. Disponível em: http://www.iicabr.iica.org.br/wp-content/uploads/2014/03/P-II-Francisco_Chagas.pdf. Acesso em: 05/08/2014.

IICA. Projeto de Cooperação Técnica BRA/IICA/09/009: “fortalecimento da capacidade institucional e da Gestão Das ações voltadas às populações atingidas pelos Empreendimentos da eletronorte”. 2013b. disponível em: http://www.iicabr.iica.org.br/wp-content/uploads/2014/03/Produto-02_Villi-IICA_2013.pdf. Acesso em 05/09/2014.

MPA - MINISTÉRIO DA PESCA E AQUICULTURA. 1° Plano Safra das Águas - Pesca e Aquicultura. Brasília-Df, 2012.

Downloads

Publicado

2016-05-15

Edição

Seção

IX CBA 3. Sistemas de Produção Agroecológica.