A experiência empírica de agricultores em áreas de várzea e de terra firme no Município de São Domingos do Capim, Pará

Autores

  • Jamille Santana dos Anjos Universidade Federal Rural da Amazônia
  • Orlando de Souza Morais Ufra
  • Glória Carolina Araújo Ribeiro Ufra
  • Marcelo Augusto Machado Vasconcelos
  • Augusto José Silva Pedroso
  • César Augusto Tenório de Lima

Palavras-chave:

Agricultura familiar, ecossistema, diversidade.

Resumo

No município de São Domingos do Capim, há predominância de dois tipos de agroecossistemas, denominados de terra firme e área de várzea, que são explorados por agricultores familiares de acordo com sua realidade. As composições florísticas entre eles são bem distintas e poucas espécies ocorrem nos dois sistemas devido às suas condições naturais. Para compreender a dinâmica dessas áreas foi efetuada pesquisa exploratória de campo por meio de entrevista semiestruturada junto aos agricultores, a fim de qualificar e comparar os dois agrecossistemas. Percebeu-se a diversidade de cultivos, pois em ambos os sistemas apresentam diferentes manejo tanto com espécies nativas e adaptadas. Portanto, pesquisar esses sistemas é contribuir para o aprimoramento do conhecimento cientifico baseados nos saberes empíricos dos agricultores em respeito à conservação da natureza, que quando associado ao científico gera uma gama de oportunidades de desenvolvimento no âmbito econômico, social e ambiental.

Biografia do Autor

Jamille Santana dos Anjos, Universidade Federal Rural da Amazônia

Agroecossistemas

Orlando de Souza Morais, Ufra

Agroecossistemas

Referências

GAMA, João Ricardo Vasconcellos; SOUZA, Agostinho Lopes de; MARTINS, Sebastião Venâncio; SOUZA, Deoclides Ricardo de. Comparação entre florestas de várzea e de terra firme do Estado do Pará. Rev. Árvore. v. 29, n. 4, p. 607-616, 2005.

Downloads

Publicado

2016-05-18

Edição

Seção

IX CBA-Agroecologia / Relatos de Experiências

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)