SOBERANIA ALIMENTAR DO POVO INDIGENA DA ETNIA MYKY, EXEMPLO DE RESISTÊNCIA

Autores

  • Rodolfo Oliveira Ferraz Conselho Indigenista Missionário
  • Natalia Bianchi Filardo Conselho Indigenista Missionário

Resumo

A equipe do CIMI - Conselho Indigenista Missionário - atua junto ao povo MYKY, na aldeia Japuíra, território indígena Menku, localizado no município de Brasnorte, MT, propõe-se fortalecer e resgatar a importância das sementes indígenas pois estão sobre forte e constante ameaça do modelo de agricultura adotado e priorizado no país. Além de incentivar à resistência é importante ajudar a conquistar espaços de autonomia, uma vez que a ameaça à soberania alimentar afeta a base do sustento da humanidade. Assim, a valorização da cultura e o envolvimento dos jovens são os resultados previstos a partir desta experiência.

Biografia do Autor

Rodolfo Oliveira Ferraz, Conselho Indigenista Missionário

submissão do trabalho para o congresso brasileiro de agroecologia

Referências

AMARANTE, Elizabeth. Espaços culturais e eixos temáticos: uma abordagem da roça myky como proposta pedagógica, Seeja PUC RJ 2010.

CARVALHO, H.M. SEMENTES. Patrimônio da humanidade. Editora Expressão Popular, 2003.

CIMI – Conselho Indigenista Missionário, in: www.cimi.com.br.

LISBOA, Thomaz de Aquino. Entre os índios Munku, a resistência de um povo, Loyola, SP. 1979.

Downloads

Publicado

2016-05-18

Edição

Seção

IX CBA-Agroecologia / Relatos de Experiências