Sistemas Agroflorestais da Zona da Mata de Minas Gerais: Entendendo o Uso de Árvores em Pastagem.

Autores

  • Martin Meier
  • Yuri Wanick Loreiro de Sousa
  • Mateus Pereira Freitas Mendes
  • Nina Celli Ramos
  • Aroldo Felipe de Freitas
  • Breno de Mello Silva
  • Pedro Raimundo dos Santos
  • Flávia Cristina Pinto Garcia
  • Irene Maria Cardoso

Palavras-chave:

Agroecologia, Agricultura Familiar, Integração animal, experimentação participativa, sistematização

Resumo

Desde 1994 agricultores/as de Araponga, Zona da Mata/MG, participam de experimentações participativas com sistemas agroflorestais (SAFs). Atualmente existe uma parceria entre famílias da Associação da Agricultura Familiar de Araponga, o Centro de Tecnologias Alternativas da Zona da Mata e os Departamentos de Solos, Zootecnia, Biologia Vegetal e Veterinária da Universidade Federal de Viçosa, visando potencializar a criação animal nas propriedades. Como parte deste projeto foram feitos, junto com estudantes da Escola Família Agrícola Puris, levantamentos das árvores de três pastagens e entrevistas semi-estruturadas com as famílias sobre o uso e as interações das árvores com a pastagem. Parâmetros silviculturais e pontos georeferenciados também foram levantados. As entrevistas apontaram que, se adequadamente escolhidas as espécies e se bem manejadas, as árvores beneficiam a pastagem além de oferecerem outros benefícios à propriedade.

Biografia do Autor

Breno de Mello Silva

Técnico do Centro de Tecnologias Alternativas da Zona da Mata (CTA-ZM)

Pedro Raimundo dos Santos

Agricultor da Associação Familiar de Agricultura de Araponga

Flávia Cristina Pinto Garcia

prof. Botânica

Irene Maria Cardoso

prof. de Cîências do solo.

Downloads

Publicado

2009-12-31

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 > >>