Extensão em Agroecologia: Redesenhando Sistemas de Produção de Hortaliças no Agreste Alagoano.

Autores

  • Fabiano Leite Gomes

Palavras-chave:

Companheirismo de plantas, ATER, Agricultura Familiar

Resumo

A agricultura familiar no agreste alagoano está fundamentada na matriz primária da revolução verde, dependente de insumos externos, notadamente os agrotóxicos e adubos químicos, fomentando o cultivo fumageiro e olerícola. O objetivo deste trabalho de extensão agroecológica foi discutir de forma participativa com os agricultores (as) das comunidades rurais do município de Arapiraca-AL, redesenhos de sistemas de produção vigentes (em específico a horticultura) nos princípios da Agroecologia, qual valorizasse a questão da saúde pública, a segurança produtiva, alimentar e nutricional, a diversificação dos cultivos, percepções dos recursos naturais e os saberes populares. Experiência iniciada no ano de 2003, participando os agricultores envolvidos nos sistemas de produção convencional de fumo e olerícola; a diversificação produtiva desenvolvida promoveu melhoria da renda familiar, da paisagem rural, desenvolvimento de novos nichos de mercados e soberania sobre os sistemas de produção de alimentos.

Biografia do Autor

Fabiano Leite Gomes

Engenheiro Agronomo, especialista em Gestão Ambiental/Agroecologia, mestrando em Agronomia - Solos e Nutrição de Nutrição, extensionista em agroecologia há 8 anos, desenvolvendo trabalhos em manejo de agroecossistemas, recuperação de áreas degradadas, transição agroecológica, certificação participativa.

Downloads

Publicado

2009-12-31