Tratamento Térmico de Sementes de Trigo via Calor Seco ou Úmido

Autores

  • Miria Rosa Durigon Universidade Federal de Santa Maria
  • Leonita Beatriz Girardi Universidade Federal de Santa Maria
  • Ricardo Feliciano dos Santos Universidade Federal de Santa Maria
  • Maria Nevis Deconto Weber Universidade Federal de Santa Maria
  • Juceli Müller Universidade Federal de Santa Maria
  • Elena Blume Universidade Federal de Santa Maria
  • Marlove Fátima Brião Muniz Universidade Federal de Santa Maria

Palavras-chave:

Triticum aestivum L., tratamento físico, sanidade de sementes, germinação.

Resumo

Em vista da crescente busca pela preservação dos recursos naturais e pela segurança alimentar, estudos são realizados para avaliar a eficiência de métodos alternativos no controle de doenças e pragas. O tratamento físico de sementes utilizando o calor seco e/ou o calor úmido já é utilizado com eficácia para muitas espécies, entretanto, poucos estudos são realizados para a cultura do trigo, produto largamente utilizado na alimentação humana. Devido a isso, este trabalho objetivou avaliar o efeito do tratamento térmico de sementes de trigo, via calor seco (a 45 oC) ou calor úmido (60 oC), testando diferentes tempos de exposição (0, 4, 8, 12 e 16 dias de calor seco ou 0, 5, 10 e 15 min de calor úmido).

Biografia do Autor

Miria Rosa Durigon, Universidade Federal de Santa Maria

Acadêmica de Agronomia, com interesse em Fitopatologia, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, n. 1000, Bairro Camobi, CEP: 97105-900, Santa Maria, RS. Tel.: 55-3220-8015. Fax: 55-3220-8015. E-mail: midurigon@yahoo.com.br

Leonita Beatriz Girardi, Universidade Federal de Santa Maria

Eng. Agr., com interesse na área de Fitopatologia, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, n. 1000, Bairro Camobi, CEP: 97105-900, Santa Maria, RS. Tel.: 55-3220-8015. Fax: 55-3220-8015. E-mail: lbgirardi@hotmail.com

Ricardo Feliciano dos Santos, Universidade Federal de Santa Maria

Acadêmico de Agronomia, com interesse na área de Fitopatologia, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, n. 1000, Bairro Camobi, CEP: 97105-900, Santa Maria, RS. Tel.: 55-3220-8015. Fax: 55-3220-8015. E-mail: ricardoijui@hotmail.com

Maria Nevis Deconto Weber, Universidade Federal de Santa Maria

Farmacêutica, MSc., com interesse na área de Fitopatologia, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, n. 1000, Bairro Camobi, CEP: 97105-900, Santa Maria, RS. Tel.: 55-3220-8015. Fax: 55-3220-8015. E-mail: mweber@smail.br

Juceli Müller, Universidade Federal de Santa Maria

Acadêmica de Agronomia, com interesse na área de Fitopatologia, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, n. 1000, Bairro Camobi, CEP: 97105-900, Santa Maria, RS. Tel.: 55-3220-8015. Fax: 55-3220-8015. E-mail: juceli.muller@yahoo.com.br

Elena Blume, Universidade Federal de Santa Maria

Eng. Agr., Professor Adjunto de Fitopatologia, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, n. 1000, Bairro Camobi, CEP: 97105-900, Santa Maria, RS. Tel.: 55-3220-8015. Fax: 55-3220-8015. E-mail: elenablu@gmail.com

Marlove Fátima Brião Muniz, Universidade Federal de Santa Maria

Eng. Agr., Professor Adjunto de Fitopatologia, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, n. 1000, Bairro Camobi, CEP: 97105-900, Santa Maria, RS. Tel.: 55-3220-8015. Fax: 55-3220-8015. E-mail: marlove@smail.ufsm.br

Downloads

Publicado

2009-12-31

Edição

Seção

1. VI CBA e II CLAA - Agroecossistemas/ Produção Vegetal

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>