Agroecossistemas familiares e o serviço de assistência técnica: a diversidade de noções de sustentabilidade inseridas no território sudeste do estado do Pará, Amazônia

Autores

  • Luis Mauro Santos Silva UFPA-CCA-NEAF-LASAT
  • Ana Caroline Neris Nogueira UFPA

Palavras-chave:

Sustentabilidade local, indicadores de sustentabilidade, abordagem sistêmica, agricultura familiar.

Resumo

O presente estudo buscou pistas para aprimorar ferramentas para avaliação de impactos da nova política agrária nacional, em contexto amazônico. Tendo como cenário de inserção a problemática dos agroecossistemas familiares do território sudeste do estado do Pará, foram abordadas as noções locais de sustentabilidade da agricultura familiar, como ponto de partida essencial na busca de indicadores de avaliação da sustentabilidade ampla desta categoria sócio-produtiva. Notou-se que o conceito proposto por Silva (2008) guarda certa coerência local e parece ser operacional em termos territoriais. O próximo passo do estudo será concentrado na validação dos indicadores de avaliação ambiental, social e técnico-econômica, visando uma reflexão participativa em torno das atuais potencialidade e limitações do PRONAF sob a sustentabilidade ampla dos agroecossistemas avaliados.

Biografia do Autor

Luis Mauro Santos Silva, UFPA-CCA-NEAF-LASAT

Natural de Manaus. Graduado em agronomia na UFAM (AM), Especialista e Mestre em Agriculturas Familiares e Desenv. Sustentável na UFPA (PA). Atualmente é docente DE na UFPA-CCA-NEAF-LASAT e doutor em Ciências pela UFPEL-FAEM (Pelotas - RS)

Ana Caroline Neris Nogueira, UFPA

A autora é discente do curso de graduação em agronomia pela UFPA, Campus de Marabá e Bolsista do PARD 2009.

Downloads

Publicado

2009-12-31

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>