Eficiência Simbiótica de Rizóbios Pré-Selecionados para Inoculação em Crotalária

Autores

  • Maria Fabiana BRITO
  • Bruno Patrício TSUJIGUSHI Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Aquidauana, MS
  • Erika Santos SILVA Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Glória de Dourados, MS
  • Rogério Ferreira SILVA Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Glória de Dourados, MS
  • Fábio Martins MERCANTE Embrapa Agropecuária Oeste, Dourados, MS

Palavras-chave:

inoculantes, fixação biológica de nitrogênio, adubação verde

Resumo

A Crotalaria juncea L. é uma espécie eficiente em fixar biologicamente o nitrogênio atmosférico. Objetivou-se neste estudo avaliar a eficiência simbiótica de estirpes de rizóbio para inoculação na cultura da crotalária. O ensaio foi conduzido no campo experimental da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – UEMS, Glória de Dourados, MS, num Argissolo Vermelho, textura arenosa. Foram avaliados dois isolados de rizóbios (SEMIA 6156 e SEMIA 6145) e um pré-selecionado (CPAC-B10), além de duas testemunhas sem inoculação, uma com N (50 kg ha-1 de N-ureia em cobertura) e uma sem N. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com quatro repetições. Verificou-se a ocorrência de uma população abundante de rizóbios nativos na área, capaz de nodular e fixar eficientemente o N2 atmosférico. A estirpe de rizóbios pré-selecionada CPAC-B10, nas condições de estudo, apresentou grande potencial para obtenção de inoculantes mais eficazes para a cultura da crotalária

Biografia do Autor

Maria Fabiana BRITO

Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Aquidauana, MS

Downloads

Publicado

2015-02-22

Edição

Seção

AGROECOL2014 - Trabalhos técnico-científicos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 > >>