14941 - Estratégias adotadas por agricultores familiares em prol da recuperação e conservação de solos no Pontal do Paranapanema

Autores

  • Paulo Rogério Lopes ESALQ-USP
  • Paulo Yoshio Kageyama ESALQ-USP
  • Keila Cássia Santos Araújo Lopes UNESP
  • Iara Maria Lopes Rangel UFRRJ
  • Rafael Passos Rangel UFRRJ

Palavras-chave:

Agroecologia, Agricultura sustentável, Assentamentos rurais

Resumo

O objetivo do presente artigo é apresentar as principais estratégias utilizadas pelos agricultores familiares assentados para lidar com a baixa capacidade produtiva dos solos locais. Além disso, pretende-se apresentar as principais experiências e iniciativas locais de manejo do solo numa perspectiva agroecológica. A região do Pontal do Paranapanema ficou conhecida pelos constantes conflitos agrários que ocorreram entre agricultores sem terra e fazendeiros na década de 80 e 90. Apesar de essa região ostentar um histórico destrutivo dos recursos naturais, ainda existe uma área significativa área de Floresta Estacional Semidecidual protegida no Parque Estadual Morro do Diabo e os projetos de assentamentos rurais desenvolvidos numa perspectiva tem favorecido a recuperação e conservação do solo, bem como da biodiversidade local. A Agroecologia incorporada nos projetos de assentamentos rurais da região do Pontal do Paranapanema foi essencial à transformação do modo de pensar, agir e praticar a agricultura local.

Biografia do Autor

Paulo Rogério Lopes, ESALQ-USP

Doutorando em Ecologia Aplicada pela ESALQ-USP

Paulo Yoshio Kageyama, ESALQ-USP

Professor Titular

Keila Cássia Santos Araújo Lopes, UNESP

Doutorando em Geografia

Iara Maria Lopes Rangel, UFRRJ

Mestranda em Agronomia - Ciência do Solo

Rafael Passos Rangel, UFRRJ

Mestrando em Agronomia - Ciência do Solo

Downloads

Publicado

2013-12-25

Edição

Seção

VIII CBA-Agroecologia - Desenvolvimento Rural/Dinâmicas socioambientais e construção do conhecimento agroecológico

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 > >>