14739 - As novas diretrizes da Extensão Rural: estudo de caso no município de Sananduva/RS

Autores

  • Cristiane Maria Tonetto Godoy Universidade Federal de Santa Maria-UFSM
  • Jose Geraldo WIZNIEWSKY Universidade Federal de Santa Maria-UFSM
  • Ana Cecilia Guedes Universidade Federal de Santa Maria-UFSM
  • Aline Guterres Ferreira Universidade Federal de Santa Maria-UFSM
  • Angelo Piaia Universidade Federal de Santa Maria-UFSM

Palavras-chave:

Desenvolvimento sustentável, sustentabilidade, meio ambiente

Resumo

As ações da extensão rural brasileira têm sido atualmente norteadas pelas diretrizes do desenvolvimento sustentável. Neste sentido, a agricultura tem procurado novas alternativas sustentáveis de produção contrapondo com as formas produtivas da agricultura convencional baseada pelo uso intensivo de agrotóxicos e insumos. O presente trabalho visa refletir sobre as diretrizes da extensão rural centradas na questão do desenvolvimento rural sustentável, contextualizando com os projetos e as ações que o Centro de Tecnologias Alternativas Populares/CETAP vem promovendo no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil.

Biografia do Autor

Cristiane Maria Tonetto Godoy, Universidade Federal de Santa Maria-UFSM

Engenheira Agrônoma formada pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Santa Maria-RS, Mestre em Extensão Rural (UFSM) com foco em Legislação Ambiental, Educação Ambiental e Agricultura Familiar, atualmente Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural. Tutora do Curso de Tecnólogo da Agricultura Familiar e Sustentabilidade da Universidade Aberta do Brasil (EAD/UFSM). Participante do Grupo de Extensão Rural Aplicada do Departamento de Educação Agrícola e Extensão Rural do Centro de Ciências Rurais da UFSM

Downloads

Publicado

2013-12-27

Edição

Seção

VIII CBA-Agroecologia - Desenvolvimento Rural/Economia rural, socioeconomia e políticas públicas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 > >>