13915 - Uso do alho no controle da mastite subclínica em vacas leiteiras

Autores

  • Ana Paula Neves
  • Rosangela de Fátima Rodriguês

Palavras-chave:

Bovinos, Allium sativum, Plantas medicinais.

Resumo

A mastite em vacas é uma doença de grande importância na atividade leiteira, com grande impacto sanitário e econômico. Neste estudo o objetivo foi avaliar a eficácia do uso do alho macerado administrado intramamário para o controle da mastite subclínica em vacas no período de lactação, pertencentes a uma propriedade dedicada a produção leiteira no município de Abelardo Luz /SC, durante o período de 14 a 25 de agosto de 2009. No início do estudo dos 21 animais do rebanho em fase produtiva, seis foram positivos para mastite, no teste Califórnia Mastitis Test, com diferentes graus de infecção e, ao final do período experimental todos os animais apresentaram melhora no quadro mastítico, apenas dois permaneceram positivos, porém com menor gravidade. De acordo com os resultados observados conclui-se que o alho na formulação testada tem potencial para o controle da mastite subclínica.

Biografia do Autor

Ana Paula Neves

Médica Veterinária, Doutoranda em Agroecologia na Universidade de Antioquia (UdeA) - Colômbia.

Rosangela de Fátima Rodriguês

Tecnóloga em Agroecologia pela Escola Latino Americana de Agroecologia/Lapa-PR.

Downloads

Publicado

2013-12-22

Edição

Seção

VIII CBA-Agroecologia - Manejo de Agroecossistemas Sustentáveis/Produção animal

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)