066 - Macro e microporosidade do solo cultivado com adubos verdes perenes consorciados com a bananeira em um sistema sob transição agroecológica em Mato Grosso do Sul

Autores

  • Leandro Flávio CARNEIRO uems
  • Gisele de Brito SALOMÃO unigran/Embrapa cpao
  • Pablo Soares PADOVAN ufgd
  • Lorrayne de Barros BOSQUETTI CAPES/PNPD
  • Milton Parron PADOVAN EMBRAPA CPAO

Palavras-chave:

porosidade do solo, Musa sp., atributos físicos do solo

Resumo

O trabalho foi desenvolvido em Nova Alvorada do Sul, MS (21°028' S e 54°023’ W), com o objetivo de avaliar a micro e macroporosidade do solo cultivado com adubos verdes perenes em consórcio com a bananeira. Os tratamentos foram compostos por um fatorial 8 x 2, sendo constituídos por diferentes espécies de plantas de cobertura consorciadas com a cultura da bananeira, sendo: leguminosas herbáceas perenes - 1) amendoim-forrageiro (Arachis pintoi), 2) cudzu-tropical (Pueraria phaseoloides), 3) calopogônio (Calopogonium mucunoides), 4) estilosantes (Stylosanthes guianensis), 5) consórcio entre cudzu-tropical e calopogônio e as testemunhas - 6) feijão-de-porco (Canavalia ensiformis), 7) parcela com plantas espontâneas (predomínio de Brachiaria decumbens) e 8) parcela sem cobertura vegetal (capinada com frequência) e duas épocas de avaliação da macro e microporosidade do solo. A amostragem do solo para avaliação da macro e microporosidade foi feita nas camadas de 0-5 cm, 5-15 cm e 15-30 cm de profundidade por ocasião da instalação do experimento no campo (Tempo 0) e após um ano (Tempo 1). Utilizou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro repetições, em parcelas de 6 m de largura e 15 m de comprimento. Os adubos verdes não influenciaram a macroporosidade do solo em relação às plantas espontâneas e ao tratamento sem cobertura vegetal nas profundidades avaliadas. Os macroporos foram maiores na primeira época de amostragem nas camadas mais superficiais do solo. Os microporos foram influenciados pelos adubos verdes e épocas de amostragem, porém apresentaram valores semelhantes entre os tratamentos.

Downloads

Publicado

2012-10-13

Edição

Seção

IV Seminário de Agroecologia do Mato Grosso do Sul - Resumos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 > >>