12699 - Qualidade da água em áreas de barragens subterrâneas

Autores

  • Camila Lucena Mota Universidade Federal de Pernambuco
  • Maria Sônia Lopes da Silva Embrapa Solos UEP Recife

Palavras-chave:

Semiárido, salinidade, sodicidade

Resumo

A barragem subterrânea é uma tecnologia que tem proporcionado a família agricultora de base familiar o aproveitamento das águas da chuva para produção de alimentos, contribuindo com a redução dos efeitos negativos dos longos períodos de estiagem, consequentemente a miséria. A barragem subterrânea tem a função criar e/ou elevar o lençol freático, que será utilizado posteriormente pelas plantas. Esse barramento armazena água dentro do solo com perdas mínimas de umidade (evaporação lenta), mantendo o solo úmido por um período maior de tempo, até quase fim do período seco. Entretanto, por se tratar de uma técnica que fica com a água parada por um período grande de tempo, é recomendado fazer avaliações anuais dos parâmetros químicos das águas dos poços locados nas áreas de plantio e áreas de acumulação das barragens subterrâneas. Diante do exposto, o presente trabalho teve como objetivo avaliar a qualidade da água das áreas de plantio e poço locados a montante de duas barragens subterrâneas, no Estado da Paraíba. Os resultados mostram que as águas das duas barragens subterrâneas estudadas apresentaram média salinidade (C2) e baixo risco de sodificação (RAS 0,05 a 0,17), sendo classificadas como C2S1. Essa salinidade média detectada nas águas das BS1 e BS2 permite a utilização dessas águas por cultivos que possuam moderada tolerância aos sais, sem ser necessário práticas especiais de controle da salinidade. Entretanto, por se tratar de áreas de barragem subterrânea é aconselhável, sempre que possível, utilizar um manejo que proporcione a renovação das águas.

Biografia do Autor

Camila Lucena Mota, Universidade Federal de Pernambuco

graduando do curso de Geografia-Bacharelado. Departamento de Ciências Geográficas da Universidade Federal de Pernambuco. estudante da área de Agroecologia, conhecimentos tradicionais camponeses, geografia agrária e geoprocessamento.

Downloads

Publicado

2011-11-13

Edição

Seção

VII CBA - 2. Sociedade , Saúde e Soberania alimentar

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)