11567 - Produção de morangueiro a partir de mudas de origem Argentina em sistema de produção de base ecológica

Autores

  • Maristela WATTHIER Universidade Federal de Pelotas
  • Diego Rosa da SILVA Universidade Federal de Pelotas
  • Jose Ernani SCHWENGBER EMBRAPA CLIMA TEMPERADO
  • Roger Terra de MORAES Universidade Federal de Pelotas
  • Thobias ZANATA Universidade Federal de Pelotas
  • Caroline Voser PEREIRA Universidade Católica de Pelotas

Palavras-chave:

Produtividade, Agroecologia, Fragaria

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi avaliar o desempenho de cultivares de morangueiro de mudas oriundas da Argentina, manejadas em sistema de produção de base ecológica. O experimento foi realizado na área experimental da Embrapa Clima Temperado/Estação Experimental Cascata, localizada no município de Pelotas, RS, no período de julho a dezembro de 2010 e foram avaliados cinco cultivares de morangueiro, ‘Festival’, ‘Camarosa’, ‘Aromas’, ‘Camino Real’, ‘Albion’ com mudas importadas, oriundas de viveiros argentinos. Os resultados agronômicos obtidos demonstraram que os cultivares testados apresentaram produção de frutas entre 308,6 e 700,5 g. planta-1. Os cultivares ‘Camarosa’, ‘Festival’ e ‘Aromas’ apresentaram maiores produtividades de frutas e os maiores número de frutas por planta.

Biografia do Autor

Maristela WATTHIER, Universidade Federal de Pelotas

Estudante de Agronomia

Diego Rosa da SILVA, Universidade Federal de Pelotas

Estudante de Agronomia

Jose Ernani SCHWENGBER, EMBRAPA CLIMA TEMPERADO

Pesquisador Embrapa Clima Temperado - Estação Experimental Cascata

Roger Terra de MORAES, Universidade Federal de Pelotas

Estudante de Agronomia

Thobias ZANATA, Universidade Federal de Pelotas

Estudante de Agronomia

Caroline Voser PEREIRA, Universidade Católica de Pelotas

Estudante de Ecologia

Downloads

Publicado

2011-12-04

Edição

Seção

VII CBA - 1. Conhecimento, tecnologias sustentáveis e políticas públicas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 > >>