10876 - Similaridade de flora de plantas espontâneas em cafeeiro consorciado com leguminosas

Autores

  • Bianca Jesus Souza IF Sudeste MG - Campus Rio Pomba
  • Tatiana Pires Barrella
  • Rafael Monteiro de Oliveira
  • Ariany das Graças Teixeira
  • Lucas Luis Faustino
  • Ricardo Henrique Silva Santos

Palavras-chave:

Coffea arabica, Dolichos lab-lab, Canavalia ensiformis, período de consorciação.

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência do consórcio com leguminosas sobre a flora de plantas espontâneas em cafeeiro. Os tratamentos corresponderam à combinação fatorial entre leguminosas (feijão-de-porco ou lablabe) e períodos de consorciação com cafeeiros (30, 60, 90 e 120 dias após o plantio, DAP) mais uma testemunha absoluta sem leguminosa. O experimento foi conduzido durante 3 anos, com as leguminosas, sendo cortadas conforme os tratamentos, removidas da entrelinha e colocadas sob a copa dos cafeeiros. As plantas espontâneas foram amostradas em outubro 2010, refletindo o efeito das leguminosas sobre as plantas espontâneas após três anos de cultivo. Foi analisada a similaridade dos tratamentos. As leguminosas em todos os períodos de consórcio com o cafeeiro modificaram a flora das plantas espontâneas em relação ao tratamento que não tinha a presença da leguminosa em nenhum período. Os resultados deste estudo mostram que as práticas agrícolas e os sistemas de manejo do solo e das culturas exercem influência acentuada na composição florística e no tamanho das comunidades de plantas espontâneas em cada local.

Biografia do Autor

Bianca Jesus Souza, IF Sudeste MG - Campus Rio Pomba

Tecnólogo em Agroecologia Tratos culturais em manejo de culturas - Agroecologia

Downloads

Publicado

2011-11-15

Edição

Seção

VII CBA - 1. Conhecimento, tecnologias sustentáveis e políticas públicas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>